Exame Invest
Mercados

BR Distribuidora anuncia Wilson Ferreira Junior como novo CEO

PUBLICADO EM: 25.1.21 | 13H55
ATUALIZAÇÃO: 25.1.21 | 14H29
O executivo, que pediu demissão da Eletrobras neste domingo, entrará no lugar de Rafael Grisolia, presidente da BR Distribuidora até o dia 31 de janeiro
WILSON FERREIRA JUNIOREXAME FORUM 2016Foto: Germano Lüders30/09/2016

Foto de Paula Barra da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Paula Barra

Repórter de mercados da Exame. Formada em jornalismo pelo Mackenzie e pós-graduada em Produtos Financeiros e Gestão de Risco pela FIA. Especializada na cobertura do mercado financeiro, com passagens pelo InfoMoney, Empiricus e TradersClub | paula.barra@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

A BR Distribuidora (BRDT3) confirmou nesta segunda-feira, 25, o nome de Wilson Ferreira Junior, que pediu ontem renúncia do comando da Eletrobras (ELET3; ELET6) alegando razões pessoais, como seu novo presidente. Ele entra no lugar de Rafael Grisolia, que deixa a companhia no dia 31 de janeiro.

Conheça o maior banco de investimentos da América Latina e invista com os melhores assessores

Caso não seja obrigado a cumprir quarentena, o executivo assume o novo cargo dia 6 de março. Wilson deixa a Eletrobras dia 5 de março, para a transição a seu sucessor, ainda a ser indicado pela elétrica.

Durante esse período, a BR Distribuidora será liderada interinamente pelo diretor executivo de operações e logística, Marcelo Bragança, que será apoiado por um comitê de transição, composto por quatro membros do conselho. São eles: Mateus Bandeira, Carolina Lacerda, Ricardo Maia e Alex Carneiro.

Em fato relevante divulgado ao mercado, a BR Distribuidora ressalta que Grisolia teve papel fundamental no processo de privatização da companhia, um caso pioneiro de privatização via mercado de capitais.

"Sob sua gestão, a BR se reorganizou, teve ganhos significativos em rentabilidade, voltou a ganhar participação de mercado e teve avanços importantes em todos os compromissos assumidos durante a privatização. O conselho de administração agradece Grisolia por sua valiosa contribuição neste importante processo de transformação da Companhia", diz o documento.

Ferreira Junior possui quase 30 anos de experiência no setor de energia. Entre os diversos
cargos de liderança que ocupou, foi presidente da CPFL entre 2002 e 2016 e, desde então, preside a Eletrobras.

Reação no mercado

Com a saída de Ferreira Junior da Eletrobras, os American Depositary Receipts (ADRs) da elétrica (ELET3; ELET6) negociados na Bolsa de Nova York afundavam 11,14% às 13h50 (horário de Brasília) desta segunda-feira, 25. Na B3, os papéis da estatal só sentirão o efeito da notícia na abertura do pregão de amanhã, uma vez que a Bolsa brasileira está fechada hoje por conta do feriado de aniversário de São Paulo.

A BR Distribuidora não possui ADRs negociados nos Estados Unidos. Na sexta-feira, os papéis da companhia fecharam com leve alta de 0,34%, a 20,90 reais.

Haverá uma teleconferência da Eletrobras com investidores e a participação de Ferreira Junior nesta segunda-feira às 15h.

 

 

Foto de Paula Barra da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Paula Barra

Repórter de mercados da Exame. Formada em jornalismo pelo Mackenzie e pós-graduada em Produtos Financeiros e Gestão de Risco pela FIA. Especializada na cobertura do mercado financeiro, com passagens pelo InfoMoney, Empiricus e TradersClub | paula.barra@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame