Exame Invest
Minhas Finanças

Empresa dos sonhos de Buffett já deu retorno de 8.000%

PUBLICADO EM: 23.12.20 | 13H17
Warren Buffett, o maior investidor do mundo, comprou a empresa na década de 70 e pagou 25 milhões de dólares no negócio
Warren Buffett

Buffett: com o retorno da empresa, ajudou na compra de outras companhias (WireImage)

Foto de Karla Mamona da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Karla Mamona

Repórter da Exame



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Nem Apple e nem Coca-Cola. A empresa dos sonhos de Warren Buffett, segundo ele mesmo, é a See’s Candie, uma fábrica de chocolate americana. Desde quando investiu no negócio, em 1972, o bilionário já teve um retorno de 8.000%. Segundo uma reportagem do Business Insider, o retorno é de 160% ao ano.

Não é raro ouvir Buffett elogiar publicamente os retornos da empresa, as modestas necessidades de capital do negócio, além da qualidade dos chocolates e dos profissionais. No encontro de acionistas da Berkshire Hathaway no ano passado, Buffett lembrou que investiu 25 milhões de dólares nos anos 70 e já teve um lucro de 2 bilhões de dólares. 

Warenn Buffett em visita a See's Candies

(See's Candie/Divulgação/Divulgação)

Mas por pouco Buffett ficou fora deste negócio. “Quase estraguei a compra”, disse em carta aos acionistas. Isso porque o vendedor estava pedindo 30 milhões de dólares e o bilionário só queria pagar 25 milhões de dólares “Felizmente, ele cedeu. Caso contrário, eu teria recuado e os 2 bilhões de dólares teriam ido para outra pessoa.” 

See´s candies

(See´s candies/facebook/divulgação/Divulgação)

Quando Buffett investiu na empresa, a See’s Candies passou de menos de 5 milhões de dólares em lucro antes impostos para 80 milhões de dólares. A empresa quase centenária foi fundada em 1921 e tem cerca de 200 lojas nos Estados Unidos.

O megainvestidor já afirmou que o retorno do investimento na empresa deu origem a vários outros empreendimentos da Berkshire Hathaway .“A See's nos ajudou para que a Berkshire pudesse comprar outras empresas que, por sua vez, que nos trazem grandes lucros.” 

Foto de Karla Mamona da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Karla Mamona

Repórter da Exame


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame