Exame Invest
Minhas Finanças

Minha mãe não se divorciou e meu pai herdou um terreno. Ela tem direito?

PUBLICADO EM: 20.12.20 | 7H00
ATUALIZAÇÃO: 20.12.20 | 10H16
Especialistas respondem dúvida de leitor sobre direito de família. Envie você também suas perguntas
Mulher negra pensando, dúvida

Pais do leitor estão separados, mas não deram entrada no divórcio (Getty Images/iStockphoto)

Imagem da Editoria Exame Invest
Marília Almeida

Repórter de Invest marilia.almeida@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Dúvida: Meus pais são separados, mas não deram entrada no divórcio. Tenho cinco irmãos e minha mãe mora com outro homem há 10 anos. Meu pai herdou um terreno. Ela tem direito?

Resposta de Samir Choaib, Helena Rippel Araújo e Laís Meinberg Siqueira*:

Primeiramente, precisamos analisar qual regime de bens foi adotado pelo seus pais quando se casaram. Também precisamos verificar o momento em que seu pai herdou esse terreno, se foi durante o relacionamento com sua mãe ou após a separação de fato, uma vez que ainda não formalizaram o divórcio.

O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor

Isso porque, apesar de não terem se divorciado, eles se encontram separados de fato, o que põe fim à comunicação de bens e, desse modo, tudo que foi adquirido - onerosamente ou gratuitamente - após a separação de fato não integra o patrimônio comum do ex-casal, independentemente do regime de bens adotado.

Por outro lado, se o terreno foi herdado ainda durante o casamento com sua mãe, dependendo do regime de bens por eles adotado ela poderá ter direito à meação ou herança, em concorrência com todos os filhos do seu pai. Caso eles tenham adotado o regime da comunhão universal, sua mãe terá direito à metade do terreno.

Entretanto, se foram casados no regime da comunhão parcial ou separação de bens o terreno será considerado bem a partilhar do seu pai, e, nesse caso, sua mãe poderá ter direito a uma quota hereditária igual a todos os filhos do seu pai.

Em resumo, a definição se sua mãe terá direito a parte do terreno dependerá, fundamentalmente, do regime de bens do casamento deles e do momento em que seu pai recebeu o imóvel por herança.

*Samir Choaib é advogado e economista formado pela Universidade Mackenzie, pós-graduado em direito tributário pela PUC-SP. É sócio do escritório Choaib, Paiva e Justo, Advogados Associados, responsável pela área de planejamento sucessório do escritório.

*Helena Rippel Araújo é advogada especialista em Estratégias Societárias, Sucessórias e Tributação pela GVLaw/SP. Pós-graduada em Direito de Família e Sucessões pela Escola Paulista de Magistratura de São Paulo. Atua no escritório nas áreas de Planejamento Sucessório e assessoria tributária às pessoas físicas.

*Laís Meinberg Siqueira é advogada formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Cursou Contabilidade Aplicada ao Direito pela GVLaw/SP e atualmente cursando pós-graduação em Direito Empresarial pela FGV. Atua no escritório nas áreas de Planejamento Sucessório e assessoria tributária às pessoas físicas.

Tem alguma dúvida sobre direito de família? Envie suas perguntas para seudinheiro@exame.com.

Imagem da Editoria Exame Invest
Marília Almeida

Repórter de Invest marilia.almeida@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame