Exame Invest
Mercados

Tupy: volta dos investimentos e câmbio vão alavancar resultados

PUBLICADO EM: 12.3.21 | 14H05
ATUALIZAÇÃO: 12.3.21 | 15H02
Em conversa com o analista da EXAME, Vitor de Melo, executivos da empresa do ramo de metalurgia e engenharia falam sobre resultados de 2020 e perspectivas da companhia para 2021
Tupy (TUPY3)

Tupy: empresa bateu recorde em receita líquida, lucro bruto e Ebitda para o quarto trimestre

Imagem da Editoria Exame Invest
Juliano Passaro

Repórter da Exame



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 3MIN

Em entrevista ao Papo Aberto, novo programa semanal da EXAME Invest no YouTube, Thiago Struminski, CFO da Tupy (TUPY3), falou sobre a expectativa para os próximos resultados da empresa do ramo de metalurgia e engenharia, com a retomada da economia de outros países.

A Tupy é uma small cap que acumula mais de 20% de alta na bolsa desde que ingressou na carteira recomendada da EXAME Invest Pro, em setembro de 2020. Neste ano, a ação está praticamente no zero a zero.

"Depois do que atravessamos no terceiro e no quarto trimestre de 2020, a companhia está muito mais forte”, afirmou Struminski em conversa com Vitor de Melo, analista da EXAME Invest Pro.

Conheça as empresas que compõem a carteira EXAME. Assine a EXAME Invest Pro

“Com uma economia mais organizada e eficiente, temos boas perspectivas pela frente. O câmbio também nos ajuda. Estamos animados para trazer resultados ainda mais fortes nos próximos trimestres", disse Struminski.

O CFO também destacou que a companhia tem exposição a setores sólidos, e o quarto trimestre de 2020 demonstrou isso. "Tivemos a maior receita líquida, lucro bruto e Ebitda da companhia para o quarto trimestre na história", afirma. O executivo tem enxergado um reinício do ciclo de investimento, importante principalmente em infraestrutura — ramo em que a empresa atua fortemente.

O lucro líquido da Tupy no quarto trimestre de 2020 foi divulgado na semana passada. A empresa obteve lucro de 86 milhões de reais no período, alta de 18,7% frente ao mesmo período do ano anterior. Já o Ebitda da companhia ficou em 224,69 milhões de reais, crescimento de 15,9% em relação ao quarto trimestre de 2019.

O CEO da Tupy, Fernando Rizzo, que também participou do Papo Aberto, falou sobre a geração de caixa da empresa, que é um dos fatores mais relevantes nos números de uma companhia. Isso porque ele mostra a capacidade de uma empresa em arcar com suas responsabilidades financeiras.

"Tivemos uma forte geração de caixa e redução da alavancagem em 2020. Essa é uma questão importante do modelo de negócios da Tupy porque a companhia gera muito caixa e é bastante consistente em sua aplicação", afirmou Rizzo.

O CEO também pontuou que as vendas da empresa foram retomadas junto com a volta da movimentação da economia no terceiro trimestre. Além disso, Rizzo salientou que o cenário internacional também pode ajudar a companhia. "Há pouco foi aprovado o pacote de 1,9 trilhão de dólares nos Estados Unidos. Isso vai favorecer famílias, a construção civil e, consequentemente, a Tupy", disse.

Assista ao Papo Aberto com a Tupy

No programa semanal, os analistas da EXAME Invest Pro recebem representantes de empresas listadas na bolsa de valores e que podem estar nas carteiras recomendadas da casa de análises.

Com foco em fundição, usinagem e montagem, a empresa soma 82 anos de história, e 85% de suas receitas são provenientes de exportações, principalmente para a América do Norte. Sediada em Joinville, a Tupy conta com mais de 13.000 funcionários em quatro parques fabris, sendo dois deles em território nacional e outros dois no México.

"Nos beneficiamos da demanda global de transporte, infraestrutura, construção civil, construção de indústrias, grandes obras e do setor agrícola, tanto nas máquinas, quanto nos equipamentos de transportes estão inseridos nossos produtos, fazemos componentes estruturais que garantem a força mecânica desses equipamentos", salientou Rizzo, CEO da Tupy.

 

Imagem da Editoria Exame Invest
Juliano Passaro

Repórter da Exame


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame