Exame Invest
Mercados

Vamos dispara 180% em 6 meses na Bolsa; analista diz que há mais por vir

PUBLICADO EM: 29.7.21 | 21H22
ATUALIZAÇÃO: 29.7.21 | 21H37
O crescimento acelerado tem chamado atenção do mercado, mas parece estar longe de mostrar sinais de cansaço após surpreender mais uma vez ao reportar lucro líquido recorde no 2º trimestre
Vamos-IPO-B3-oferta-caue-diniz2

Foto de Paula Barra da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Paula Barra

Repórter de mercados da Exame. Formada em jornalismo pelo Mackenzie e pós-graduada em Produtos Financeiros e Gestão de Risco pela FIA. Especializada na cobertura do mercado financeiro, com passagens pelo InfoMoney, Empiricus e TradersClub | paula.barra@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Com seis meses da sua estreia na B3 e uma alta acumulada de 180%, as ações da Vamos (VAMO3), que atua na locação de caminhões e pertence ao Grupo Simpar (SIMH3), têm surpreendido positivamente o mercado. Nesta semana, a companhia reportou seu balanço do segundo trimestre, com lucro líquido recorde de 100 milhões de reais no período, ou 2,5 vezes acima do valor registrado no mesmo período do ano anterior.

O crescimento acelerado chama atenção, mas parece estar longe de mostrar sinais de cansaço, avaliou o analista de ações Gustavo Wolf, da gestora Meraki Capital, na edição de hoje do Examinando a Bolsa, programa diário de fechamento do mercado da EXAME Invest.

Segundo ele, dois fatores ajudam a explicar esse otimismo: o mercado de aluguel de caminhões ainda ser pouco explorado no Brasil e a companhia ser líder neste segmento, tendo a maior frota do país.

"A Vamos é um case de alto potencial de crescimento e de liderança de mercado", comentou. "Ela está praticamente sozinha nesse nicho e, por ter escala, consegue comprar veículos mais baratos e gerar um retorno maior. Acreditamos que esse crescimento acelerado deve continuar", disse Wolf.

A Vamos é atualmente uma das principais posições dos fundos da Meraki.

No programa, ele detalhou também outras teses que a gestora tem na carteira, como os papéis da Multiplan (MULT3), que figuraram como uma das maiores altas do Ibovespa nesta sessão após divulgar balanço acima do esperado, e WEG (WEGE3), que mais uma vez se destacou pelos números robustos no trimestre.

Veja abaixo a edição completa desta quinta-feira:

O Examinando a Bolsa é transmitido ao vivo de segunda a sexta-feira, às 17h30, no Instagram e no Youtube da EXAME Invest.

Foto de Paula Barra da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Paula Barra

Repórter de mercados da Exame. Formada em jornalismo pelo Mackenzie e pós-graduada em Produtos Financeiros e Gestão de Risco pela FIA. Especializada na cobertura do mercado financeiro, com passagens pelo InfoMoney, Empiricus e TradersClub | paula.barra@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame