MERCADOS

Abertura de Mercado: aquisições evidenciam os vencedores do setor de saúde

PUBLICADO EM: 2.6.21 | 9H43
Dasa, Fleury e Rede D’Or anunciam compras e soma dos valores passa de 1 bilhão de reais

Hospital da NotreDame | Foto: Zeca Caldeira / Exame (Zeca Caldeira)

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

O movimento de consolidação segue firme no setor de saúde. Somente na última noite, foram anunciadas três grandes aquisições. A maior delas foi a realizada pela Dasa (DASA3), que desembolsou 850 milhões de reais na compra da HBA - Assistência Médica e Hospitalar. 

Já a Fleury (FLRY3) gastou 315 milhões de reais na compra de dois laboratórios, com o valor investido em aquisições nos últimos cinco anos superando a marca de 1 bilhão. A Rede D’Or (RDOR3) também foi às compras, dando continuidade a seu agressivo plano de expansão com o acordo de 130 milhões de reais pelo hospital paulistano Serra Mayor.

“A dinâmica de consolidação é o que está dando o tom no setor de saúde. Fica cada vez mais claro quem são os vencedores”, comenta Bruno Lima, analista-chefe da Exame Invest Pro na Abertura de Mercado desta quarta-feira, 2

Segundo o analista, o ritmo acelerado de aquisições deve continuar ao longo de 2021 e 2022. “A Rede D’Or vem se destacando, mas por enquanto estamos monitorando os preços. Nossa escolha no setor são as ações da Hapvida (HAPV3).”

Em relatório recente, a Exame Invest Pro ponderou que, embora venha apresentando bons resultados e se destacando na agenda de consolidação, as ações da Rede D’Or ainda estão caras, com pouco espaço para fortes altas.

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame