Exame Invest
Mercados

Abertura de Mercado: a nova polêmica com Musk e as ações da Tesla

PUBLICADO EM: 8.11.21 | 10H10
ATUALIZAÇÃO: 8.11.21 | 18H39
Papéis recuam após enquete do Twitter incentivar bilionário a vender 10% das ações
Elon Musk

Operação de venda das ações de Musk pode movimentar 21 milhões de dólares | Foto: Win McNamee/GettyImages (Getty Images)

Imagem da Editoria Exame Invest
Da redação, com agências



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

As ações da Tesla caíram quase 5% nesta segunda-feira, 8, depois de Elon Musk abrir uma enquete no Twitter para decidir se venderia 10% de sua participação na empresa.

No final de semana, a enquete perguntando aos seguidores de Musk se ele deveria vender ações da Tesla recebeu mais de 3,5 milhões de votos no Twitter -- e 57,9% das pessoas votaram "sim". 

O excêntrico fundador da fabricante de veículos elétricos respondeu a uma nova proposta dos democratas, que querem aumentar os impostos sobre os mais ricos taxando suas ações, que geralmente só são tributadas quando são vendidas.

"Fala-se muito ultimamente que lucros não realizados são um meio de evitar impostos, então proponho vender 10% de minhas ações da Tesla", escreveu Musk. O bilionário assegurou aos seus 62 milhões de seguidores no Twitter que respeitaria a decisão.

Segundo cálculos da Bloomberg, a participação de 10% que Musk pode vender seria avaliada em cerca de 21 bilhões de dólares, considerando as 170,5 milhões de ações da empresa sob a posse do bilionário.

Para Marcel Zambello, analista do BTG Pactual digital, o comentário de Musk pode causar repercussões na Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC), regulador do mercado de capitais americano. 

“Um executivo não pode comentar livremente o que vai fazer. Esse tweet pode ser caracterizado como manipulação de mercado. O certo seria informar a venda depois que ela acontece por meio do site de relação com investidores, para que todos saibam a informação na mesma velocidade”, afirmou Zambello no programa Abertura de Mercado desta segunda-feira.

Vale lembrar que Elon Musk tem sido monitorado, desde 2018, pela SEC por tentativas de manipulação do mercado de ações americano, por meio de publicações no Twitter. O bilionário e a empresa foram multados em 40 milhões de dólares por enviesar a tomada de decisão dos investidores.

“Não seria surpresa se Musk fosse multado novamente [após a enquete]. O mercado fica no aguardo do posicionamento da SEC”, completou Zambello. Assista ao programa completo aqui:

Imagem da Editoria Exame Invest
Da redação, com agências


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame