Exame Invest
Mercados

Burger King deve ser um dos líderes da consolidação do setor, diz BTG

PUBLICADO EM: 6.8.21 | 9H12
ATUALIZAÇÃO: 6.8.21 | 9H13
Ações do Burger King Brasil reservam potencial de alta de 25%, estimam analistas do banco

Burger King: empresa está em processo de aquisição da rede Domino's (Eduardo Frazão)

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

O Burger King Brasil (BKBR3) desapontou investidores ao reportar prejuízo de 91,7 milhões de reais em balanço do segundo trimestre. As perdas foram 32,5% acima da esperada, segundo consenso da Bloomberg.

Embora pondere que o "resultado não veio muito forte" devido às restrições de mobilidade no início do trimestre, Bruno Lima, analista-chefe de ações do BTG Pactual Digital viu bons sinais no balanço. Entre eles, a melhora de margem, redução de prejuízo e melhores vendas nas mesmas lojas. Mas é na frente de aquisições que a o analista enxerga o maior potencial de ganhos para a empresa.

"Temos uma visão bem positiva em relação ao Burger King quando pensamos em processo de consolidação de longo prazo. Assim como está ocorrendo no mercado de vestuário, acreditamos que irá ocorrer com restaurantes", disse Lima na Abertura de Mercado desta sexta-feira, 6.

O início do processo de consolidação começou em julho, com a aquisição da rede Domino's no país. Com a operação aprovada, a marca passará a integrar o portfólio da empresa, que já conta com Popeye's e, claro, Burger King.

"O histórico comprovado de expansão do Burger King e o forte balanço patrimonial devem permitir que a empresa continue ganhando participação de mercado no fragmentado", afirmam analistas do BTG Pactual em relatório. Com recomendação de compra, analistas da casa têm preço-alvo para as ações da empresa a 13 reais,  representando um potencial de alta de 25% em relação ao preço do último fechamento (10,40 reais).

Quer saber mais sobre o BK Brasil? Leia o relatório na íntegra

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame