Exame Invest
Mercados

Ibovespa sobe mais de 1% após criação de empregos surpreender nos EUA

PUBLICADO EM: 5.11.21 | 9H50
ATUALIZAÇÃO: 5.11.21 | 15H08
Payroll de outubro supera as expectativas de mercado e reforça otimismo sobre economia americana
Small Caps

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 3MIN

O Ibovespa sobe 1,46% para 104.945 pontos, às 15h15 desta sexta-feira, 5, acompanhando os principais índices internacionais, que estenderam seus movimentos de alta após o relatório de empregos não agrícolas dos Estados Unidos, o payroll, mostrar que o mercado de trabalho americano está mais aquecido do que o esperado.

Divulgado nesta manhã, o payroll revelou a criação de 531.000 empregos urbanos em outubro, acima das expectativas de 450.000. E mais. Os números do mês anterior foram revisados para cima, de 194.000 empregos para 312.000. Ou seja, foram cerca de 200.000 empregos não agrícolas acima das  projeções de mercado.

A taxa de desemprego americana, que saiu junto com o payroll, caiu de 4,8% para 4,6%, ante o consenso de queda para 4,7%.

"Os dados foram fortes. Mas, principalmente, porque diminuiu desemprego onde precisava, como na frente de hispânicos e na de menor escolaridade. Isso é importante para entender o ritmo do tapering e a possibilidade de alta de juros no ano que vem. O mercado de trabalho se recuperou rapidamente" , comenta Gustavo Cruz, estrategista da RB Investimentos.

Em Wall Street, os índices o S&P 500 e o Dow Jones avançam 0,37% e 0,9027 respectivamente, enquanto o Nasdaq, 0,08%. No mercado de câmbio, a moeda americana recua contra divisas emergentes, refletindo o maior apetite por risco. Frente ao real, o dólar cai 1,57%, negociado a 5,518 reais.

Além do ambiente macroeconômico, investidores seguem atentos aos últimos números da temporada de balanços.

Destaques

Na bolsa, as ações da JHSF (JHFS3) sobem 3%, após a empresa ter apresentado crescimento anual de 23,1% de lucro líquido no terceiro trimestre para 213,8 milhões de reais. A companhia também apresentou números acima do mesmo período do ano passado em todas suas quatro linhas de negócio (incorporação, shoppings, hotel e aeroporto).

As ações da Embraer (EMBR3), que divulgou balanço nesta manhã, avançam 5,16%. Com uma das melhores performances da bolsa no ano (166% de alta), a fabricante de aeronaves fechou o trimestre com Ebitda de 410,7 milhões de reais. Foi a primeira vez em mais de 10 anos que a empresa apresenta fluxo de caixa livre positivo no terceiro trimestre.

O movimento ainda é beneficiado pelo maior otimismo sobre o setor aéreo, após farmacêuticas apresentarem eficácia em remédios contra o coronavírus. Nesta tarde, Azul (AZUL4) disparam 8,92% e as da GOL (GOLL4), 8,45%. A forte valorização ocorre em linha com os papéis das principais companhias aéreas do mundo, como Delta, American Airlines e Lufthansa, que sobem mais de 5% no exterior. A agência de turismo CVC (CVCB3) sobe 5,28%.

Já as maiores altas do pregão estão com PetroRio (PRIO3), que dispara 20%, após informar que o consórcio em que participa ganhou direito de negociar exclusivamente os poços de Albacora e Albacora Leste, da Petrobras. Segundo analistas do Credit Suisse, os ativos poderiam duplicar a produção da PetroRio. Já ações da Petrobras 

A alta do setor de viagens só menor do que a da Magazine Luiza (MGLU3), que dispara 9,12%, com balanço previsto para a próxima semana. Embora o desinvestimento seja visto como positivo por acionistas da Petrobras, as ações da estatal oscilam próximas da estabilidade, após informar não ter recebido os estudos do governo sobre sua privatização.

Entre as ações com maior peso no Ibovespa, as do Bradesco (BBDC3/BBDC4) sobem mais de 4%, refletindo o resultado do terceiro trimestre apresentado na última noite. Na véspera, os papéis do Bradesco tiveram forte queda, na esteira do resultado do Itaú, mas vem retomando valor neste pregão. No período, o Bradesco teve lucro recorrente de 6,767 bilhões de reais, 34,5% acima do terceiro trimestre de 2020 e também superior às estimativas de mercado. No campo das commodities, a Vale (VALE3) recua quase 3%, após o minério de ferro chegar a sua quarta semana seguida de queda, na China.

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame