Exame Invest
Mercados

Mais de 30 balanços com Magalu e Renner e o que mais move o mercado

PUBLICADO EM: 12.8.21 | 7H13
ATUALIZAÇÃO: 12.8.21 | 7H57
Bolsas sobem no mercado internacional, enquanto investidores avaliam resultados corporativos e aguardam por divulgação de PPI e pedidos de seguro desemprego nos Estados Unidos
Magazine Luiza

Centro de Distribuição do Magazine Luiza | Foto: Leandro Fonseca/Exame (Leandro Fonseca)

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 3MIN

Esta reportagem faz parte da newsletter EXAME Desperta. Assine gratuitamente e receba todas as manhãs um resumo dos assuntos que serão notícia.

Na Europa, o Stoxx 600 caminha para o oitavo pregão seguido de alta, mesmo após a produção industrial ter saído abaixo das expectativas na Zona do Euro, com queda de 0,3% em julho. No Reino Unido, onde os indicadores econômicos saíram mistos, o FTSE cai 0,1%. 

Mas os  principais dados do dia ainda estão para sair. Nos Estados Unidos, onde o S&P500 e o Dow Jones voltam a subir no mercado de futuros, serão divulgados os pedidos de seguro desemprego e o Índice de Preço ao Produtor (PPI, na sigla em inglês). No mercado, são esperados 375.000 pedidos e uma inflação mensal ao produtor de 0,6% e de 7,3% na comparação anual. 

Pedidos de seguro desemprego muito abaixo do esperado ou um a inflação muito acima podem aumentar a pressão para redução de estímulos por parte do Federal Reserve (Fed). Em entrevista ao Financial Times, a presidente do Fed de São Francisco, Mary Daly, defendeu a redução de estímulos até o fim do ano, acreditando na recuperação econômica dos Estados Unidos.

No Brasil, o principal dado do dia será o de crescimento do setor de serviços. Referente a junho e divulgado pelo IBGE, o indicador deve apontar para uma alta anual de 18,2%, tendo em vista a fraca base de comparação. 

Na bolsa, devem ser destaques as reações aos mais de vinte balanços divulgados na última noite. 

B3

Responsável pela administração da bolsa e com uma das participações mais relevanTes do Ibovespa, a B3 (B3SA3) superou as estimativas ao registrar lucro líquido de 1,19 bilhão de reais e receita líquida de 2,36 bilhões de reais. 

Suzano

Quem também surpreendeu positivamente o mercado foi a Suzano (SUZB3), que reportou lucro líquido de 10,04 bilhões de reais ante o consenso da Bloomberg de 8,54 bilhões de reais. No primeiro trimestre, a empresa teve prejuízo de 2,05 bilhões de reais. 

“[A melhora] é  explicada pelo resultado financeiro positivo, por sua vez decorrente da variação cambial sobre a dívida e pelo resultado de operações com derivativos, além do aumento no resultado operacional”, diz a empresa em balanço. 

Invista nas maiores empresas de tecnologia do mundo com ajuda do maior banco de investimentos da América Latina. Abra sua conta.

JBS

Já a JBS (JBSS3) foi uma das que decepcionaram em balanços da última noite, com o lucro líquido de 4,38 bilhões de reais, ficando abaixo dos quase 5 bilhões de reais esperados. A receita líquida, porém, ficou acima das expectativas, em 85,6 bilhões de reais.

Balanços do dia

Para esta quinta, investidores terão mais um dia cheio de balanços. São mais de 30, tendo os da Magazine Luiza (MGLU3), Azul (AZUL4), BRF (BRFS3), Renner (LREN3) e Cyrela (CYRE3) entre os mais aguardados.

Magazine Luiza

Previsto para após o encerramento do pregão, o resultado do Magalu terá  como pano de fundo o forte crescimento apresentado pela sua concorrente Via (VVAR3, ex-Via Varejo) no dia anterior. No segundo trimestre, a receita líquida da empresa cresceu 49,2% para 7,88 bilhões de reai, enquanto o lucro mais do que dobrou para 132 milhões de reais.

Renner

Uma das principais varejistas de moda do país, a Renner deve apresentar lucro líquido de 165,5 milhões de reais, segundo consenso Bloomberg, com a receita operacional ficando em 2,38 bilhões de reais. 

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame