Exame Invest
MERCADOS

No radar: Hapvida e GNDI confirmam fusão e o que mais move o mercado

PUBLICADO EM: 1.3.21 | 7H03
ATUALIZAÇÃO: 1.3.21 | 7H45
Queda dos rendimentos dos títulos americanos impulsiona alta nos mercados internacionais; Ibovespa vem de maior queda mensal desde setembro
NotreDame Intermédica

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

As bolsas internacionais sobem nesta segunda-feira, 1, com a queda dos rendimentos dos títulos americanos gerando algum alívio para investimentos em ações. Na última semana, mercados do mundo todo tiveram perdas significativas, com temores de que a alta dos rendimentos - provocada pela cautela sobre a inflação no país - gerasse uma migração para a renda fixa americana e aumentasse o custo dos empréstimos. 

Conheça o maior banco de investimentos da América Latina e invista com os melhores assessores

No Brasil, o Ibovespa, que vem de sua maior queda mensal desde setembro, pode apresentar alguma recuperação neste pregão, com investidores aproveitando o cenário internacional positivo para buscar por ações que ficaram baratas em fevereiro, quando o índice caiu 4,37%.

Fusão NotreDame e Hapvida

NotreDame Intermédica (GNDI3) e Hapvida (HAPV3) celebraram o acordo de combinação de negócios neste fim de semana. O acordo ainda precisa da aprovação da Agência Nacional de Saúde (ANS) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), além de ter que passar por assembleias com acionistas.

Mais detalhes do projeto de fusão serão apresentado ao mercado hoje às 14h (de Brasília) pelo presidente da NotreDame, Irlau Machado Filho e o da Hapvida, Jorge Pinheiro.

Multiplan fecha shoppings

A Multiplan (MULT3) informou que, devido a medidas de isolamento endurecidas no Rio Grande do Sul, Paraná e Distrito Federal, a empresa teve seus shoppings fechados nessas localidades para atividades que não são consideradas essenciais. 

Fleury

Única empresa do Ibovespa a reportar balanço na noite de sexta-feira, 26, a Fleury (FLRY3) registrou lucro líquido recorrente de 155,5 milhões de reais no quarto trimestre, representando um crescimento anual de 177%.

No período, a empresa bateu recorde de receita bruta, que bateu 1 bilhão de reais. Entre os destaques do resultado esteve a expansão de 98% do atendimento móvel, que encerrou o trimestre responsável por 7,4% da receita total. A teleconferência sobre o resultado será realizada às 11h de Brasília.

Balanços e apresentações

Após o pregão desta segunda, será a vez de PetroRio (PRIO3) e Copasa (CSMG3) apresentarem seus balanços do quarto trimestre. Pela manhã, às 10h, a TIM apresentará seus planos corporativos a investidores no Tim day. Entre aqui para ter acesso à apresentação.

PEC Emergencial

Além do noticiário corporativo, seguem no radar as conversas sobre a PEC emergencial, que deve abrir espaço para a renovação do auxílio por meio de ajustes fiscais.

Segundo o G1, a pauta, que está em análise no Senado, foi debatida em reunião realizada na última noite com a presença do presidente Jair Bolsonaro, os presidentes da Câmara e do Senado e ministros da Economia, Saúde e o secretário da Casa Civil.

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame