No radar: Produção da Vale, estreia da Blau e o que mais move o mercado | Exame Invest
Exame Invest
MERCADOS

No radar: Produção da Vale, estreia da Blau e o que mais move o mercado

PUBLICADO EM: 19.4.21 | 7H02
ATUALIZAÇÃO: 19.4.21 | 10H19
Bolsas ocidentais têm leves quedas, após sequência de recordes em Nova York; na China, Composto de Xangai sobe com apostas em empresas de carros elétricos
Trem; Ferrovia; Minério; Ferro; Vale; Carajás

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 3MIN

As principais bolsas do mundo apresentam leves quedas na manhã desta segunda-feira, 19, com investidores mais cautelosos após a sequência de quatro semanas positivas e dois recordes de fechamento em Nova York.

A pandemia está mexendo com a economia e os negócios em todo o mundo. Venha aprender o que realmente importa na EXAME Invest Pro

A exceção é a Ásia, onde os mercados fecharam em alta nesta madrugada. No continente, o destaque ficou com a bolsa de Xangai, onde o principal índice de ações subiu 1,49%, com novas apostas em papéis do setor de carros elétricos do país.

Vale

No mercado local, as atenções começam a se voltar para a temporada de balanços do primeiro trimestre de 2021, que terá início no fim desta semana. Já nesta segunda, a Vale (VALE3) irá divulgar seu relatório de produção de minério de ferro referente ao período.

A expectativa é de que o ritmo siga acelerado pela forte demanda da China. Somente em março, a importação da commodity pelo país asiático cresceu 18,9% em relação a março do ano passado.

O aumento de exportação de minério de ferro para a China, por outro lado, tem elevado o volume de estoques para o maior em dois anos nos portos do país, indicando, para o futuro, algum arrefecimento do preço da commodity. Na bolsa de Dalian, a commodity começou a semana com o terceiro pregão consecutivo de alta , fechando acima dos 160 dólares a tonelada.


Recomendado para você

Blau

As ações da farmacêutica Blau (BLAU3) estreiam nesta segunda, após serem precificadas a 40,14 reais na oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês). O valor saiu abaixo da faixa indicativa de 44,60 reais e 50,60 reais, indicando demanda menor que a esperada. Na operação, a empresa levantou 1,26 bilhão de reais.

De acordo com o prospecto da oferta, a maior parte do dinheiro arrecadado (700 milhões de reais) será investido na nova planta da Blau em Recife. Os recursos obtidos também serão destinados a investimentos em centros de coletas de plasma nos Estados Unidos, ao pagamento do restante da aquisição da Pharma Limírio e ao pré-pagamentos de debêntures emitidas pela companhia. 

Linx

Uma das principais empresas de tecnologia da bolsa, a Linx (LINX3) irá divulgar (com atraso) seu balanço do quarto trimestre de 2020 após o encerramento do pregão desta segunda. No fim de março, a empresa informou o adiamento da divulgação para a “apuração, revisão e conciliação” de uma perda operacional “atípica” de 41 milhões de reais relacionada ao sistema Linx Pay.

IBC-BR

Sem grandes indicadores econômicos para serem divulgados nos Estados Unidos, as atenções estarão para a divulgação do índice de atividade econômica do Banco Central de fevereiro, o IBC-Br. 

A expectativa é de que o agravamento da pandemia no país tenha desacelerado a retomada econômica, com esperada alta mensal de 0,9% ante a expansão de 1,04% registrada em janeiro. Na comparação anual, a estimativa é de queda de 0,4%, segundo estimativas coletadas pela Bloomberg

Agenda da semana

Com um pregão a menos devido ao feriado de Tiradentes, na quarta-feira, 21, a semana marcará o início da temporada de balanços, com a divulgação dos resultados da Usiminas (USIM5) e Hapvida (HAPV3) na sexta-feira, 23. A janela de IPOs também seguirá aquecida. Após a estreia da Blau, a HospitalCare e GPS Participações devem precificar suas ofertas na quinta-feira, 22. As ações da GPS estão previstas para estrearem na sexta, enquanto as da HospitalCare, para a próxima segunda. 


Leia também

Foto de Guilherme Guilherme da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Guilherme Guilherme

Repórter de mercado | guilherme.guilherme@exame.com


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame