Exame Invest
Mercados

10 notícias para lidar com os mercados nesta quarta-feira

PUBLICADO EM: 4.9.13 | 9H00
Ministro de Minas e Energia descarta alta da gasolina e do diesel até o fim do ano; redução de imposto de importação é mantida
Plataforma de petróleo da Petrobras

Petrobras: o ministro das Minas e Energia acredita que a estatal tem condições de manter o seu plano de investimentos e ter um lucro neste ano superior a 20 bilhões de reais

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 4MIN

São Paulo - Veja o que você precisa saber nesta quarta.

1. Lobão descarta alta na gasolina e no diesel até final do ano...

O ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, descartou a possibilidade de um aumento nos preços da gasolina e do diesel até o final do ano. Ele informou que o governo não cogita neste momento a liberação de reajustes para os produtos, mas destacou que é uma decisão do conselho de administração da Petrobras – o ministro afirmou que é papel da estatal pedir os reajustes de preços e que a diretoria da empresa tem que zelar pela saúde financeira da companhia.

2. ... Mas a tensão na Síria poderia ser um novo argumento da Petrobras para o reajuste

A Petrobras já vinha pedindo um aumento nos preços de combustíveis ao governo, seu acionista majoritário, diante da escalada recente do dólar ante o real. Uma fonte ligada à empresa afirmou à agência de notícias Reuters que uma eventual guerra na Síria pressionaria ainda mais o preço do barril do petróleo – fazendo com que e a defasagem dos preços dos combustíveis no mercado interno fosse ainda maior.

Apesar da defasagem entre os preços dos combustíveis no mercado interno e externo, o ministro das Minas e Energia acredita que a estatal tem condições de manter o seu plano de investimentos e ter um lucro neste ano superior a 20 bilhões de reais.

3. Na ásia, bolsas fecham em baixa com temores sobre Síria

Nesta quarta-feira, os temores com uma possível intervenção militar na Síria voltaram a afetar os mercados. As bolsas na Ásia fecharam majoritariamente em queda hoje. O índice Kospi, da Bolsa de Seul, fechou estável aos 1.933,03 pontos. Em Taipé, o índice Taiwan Weighted fechou em queda de 0,1% aos 8.083,44 pontos. Nas Filipinas, o índice PSEi encerrou o pregão em baixa de 1,9%, aos 5.968,33 pontos.

4. Redução de imposto de importação é mantida

O Ministério da Fazenda vai manter a decisão de reduzir a alíquota do Imposto de Importação para 100 produtos, a maioria usada como matéria-prima. A lista de exceção à Tarifa Externa Comum (TEC), criada no ano passado para elevar a tarifa de importação, não será renovada e os 100 produtos incluídos na relação voltarão a ter a alíquota original a partir de 1º de outubro.


5. TRT manda GOL reintegrar 850 empregados da Webjet

A 8.ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT-RJ) determinou, em decisão unânime, a reintegração imediata de 850 funcionários da Webjet demitidos em 2012 pela GOL. O TRT fixou em 1 milhão de reais a sentença sobre danos morais coletivos.

6. PIB da Zona do Euro cresce 0,3% no 2° tri

A economia da zona do euro cresceu 0,3% no período entre abril e junho em comparação com o primeiro trimestre do ano, segundo a agência de estatísticas da União Europeia, Eurostat. O dado foi ajudado pelo crescimento mais forte do que o esperado da Alemanha e de Portugal. A recuperação das exportações e os gastos das famílias e do governo tiraram a zona do euro da recessão no segundo trimestre deste ano, segundo os dados. A Eurostat revisou a taxa anual e afirmou que o PIB do segundo trimestre de 2013 teve contração de 0,5% em relação ao mesmo período em 2012.

7. FMI vê emergentes vulneráveis à redução de estímulos dos EUA

Em um texto preparado para o encontro do G20 em São Petersburgo, o FMI afirma que as economias desenvolvidas, com os Estados Unidos à frente, irão cada vez mais liderar o crescimento global, com os países emergentes sob risco de desaceleração devido ao aperto da política monetária norte-americana.

8. Empresas de educação buscam IPOs em meio à consolidação

Em meio à expectativa de receber investimentos públicos nos próximos anos, o setor de educação no Brasil começa a ser um frequentador assíduo do mercado de capitais, tanto na bolsa de valores quanto em fusões e aquisições. A participação do segmento no pregão da Bovespa deve aumentar nos próximos meses - com a chegada da Ser Educacional e da Anima Educação.


9. BrasilAgro lucra R$19,2 mi no 4º tri, fará recompra de ações

A BrasilAgro anunciou na madrugada desta quarta-feira um lucro líquido de 19,2 milhões de reais no quarto trimestre fiscal de 2013 e um programa de recompra de até 3,5 milhões de suas ações ordinárias.

10. Eletrobras cita interesse de Cemig e EDF em Sinop

O presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, revelou que a Cemig e a francesa EDF estão interessadas em participar do consórcio vencedor da usina de Sinop, no Mato Grosso. Além da Eletrobras com 49%, o consórcio é formado pela Alupar (51%). O destino da atual sócia ainda está indefinido, mas Carvalho Neto garante que a companhia permanece no consórcio até a assinatura do contrato de concessão, que deve acontecer, segundo ele, em dois ou três meses.

Com Bloomberg, Estadão Conteúdo e Reuters

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame