Agenda do dia tem balanços de TAM, Light, Cesp e Brookfield | Exame Invest
Exame Invest
MERCADOS

Agenda do dia tem balanços de TAM, Light, Cesp e Brookfield

PUBLICADO EM: 11.5.12 | 6H12
Além do Brasil, na Europa, Telefónica, Crédit Agricole e Parmalat informam seus números. Nos Estados Unidos, a NVIDIA veicula balanço
Avião da TAM

Os resultados das empresas são do primeiro trimestre de 2012

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 3MIN

São Paulo - Após o fechamento do mercado, TAM SA, Light SA, Brookfield Incorporações SA e Cia. Energética de São Paulo divulgam seus resultados do primeiro trimestre.

Para acompanhar

A BM&FBovespa SA realiza teleconferências com analistas e investidores, às 9:00 em português e às 11:00 em inglês.

A Suzano Papel e Celulose SA organiza teleconferências com analistas, às 10:00 em português e às 12:00 em inglês.

A Braskem SA promove teleconferências com analistas e investidores, às 10:00 em português e às 12:00 em inglês.

A Cia. de Saneamento Básico do Estado de São Paulo faz teleconferências, às 11:00 em inglês e às 14:00 em português.

O Banco BTG Pactual SA fala com analistas e investidores, às 11:30 em português e às 13:00 em inglês.

A LLX Logística SA entra em teleconferência com analistas e investidores, às 12:00, em inglês com tradução para português.

A Cia. Siderúrgica Nacional SA realiza teleconferência com analistas, às 12:00 em português e às 14:00 em inglês.

Governo

O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, tem reuniões de trabalho no Rio de Janeiro.

Balanços

No Brasil, TAM, Light, Brookfield e Cesp divulgam resultados. Na Europa, Telefónica SA, Crédit Agricole SA e Parmalat SpA informam seus números. Nos Estados Unidos, a NVIDIA Corp. veicula balanço.

Empresas

A Petróleo Brasileiro SA (PETR4 BZ) adiou a divulgação do balanço do primeiro trimestre para o dia 15 de maio, próxima terça-feira, disse a empresa em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários. A Petrobras pretendia divulgar os resultados hoje, após o fechamento do mercado.

A Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SBSP3 BZ) registrou lucro líquido de R$ 491,9 milhões no primeiro trimestre, mais que uma vez e meia superior ao registrado em igual período do ano passado, segundo comunicado enviado ontem à Comissão de Valores Mobiliários.


A Usinas Siderúrgicas de Minas Gerais SA (USIM5 BZ) teve sua nota de crédito rebaixada para Ba2, com perspectiva estável, de Baa3 pela Moody’s Investors Service, segundo comunicado enviado ontem por e-mail pela agência de classificação de risco. O corte foi motivado pela contínua deterioração dos resultados operacionais da Usiminas no primeiro trimestre, em tendência iniciada em 2009, disse a Moody’s.

A Eucatex SA Indústria e Comércio (EUCA4 BZ) decidiu conduzir estudos para promover uma reorganização societária e adesão ao Novo Mercado da BM&FBovespa, que só permite a negociação de ações ordinárias, disse a empresa em comunicado ao mercado ontem.

A BM&FBovespa SA (BVMF3 BZ), controladora da maior bolsa da América Latina, teve lucro líquido acima das estimativas dos analistas no primeiro trimestre com maior volume de negócios impulsionando a receita. A companhia registrou lucro líquido ajustado de R$ 409,2 milhões no primeiro trimestre ante R$ 384,2 milhões um ano antes, segundo comunicado ontem à Comissão de Valores Mobiliários. Estimativas de oito analistas consultados pela Bloomberg apontavam lucro de R$ 410,7 milhões.

A MRS Logística SA (MRSA3 BZ) disse ontem que seu conselho de administração aprovou a emissão de R$ 300 milhões em debêntures com prazo de seis anos, segundo comunicado à Comissão de Valores Mobiliários. Em outro comunicado, a MRS disse que o conselho autorizou a diretoria a buscar recursos de até R$ 75 milhões, com prazo não inferior a cinco anos e taxa de juros limitada a 111 por cento do CDI, disse a empresa.

A Vale SA (VALE5 BZ) declarou força maior nos embarques para um cliente e com um grupo de fornecedores de sua unidade de níquel em Nova Caledônia, no Pacífico Sul, segundo comunicado enviado ontem à Comissão de Valores Mobiliários. A força maior foi motivada por um acidente numa planta de ácido sulfúrico na unidade, que não causou dano ambiental ou deixou feridos, segundo a Vale.

Mercados

O Ibovespa caiu 0,1 por cento e fechou a 59.702,05 pontos.

O dólar caiu 0,8 por cento, para R$ 1,9535.


Leia também

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame