Exame Invest
MERCADOS

Bolsa de Tóquio segue no positivo, com alta de 0,1%

PUBLICADO EM: 1.2.12 | 6H32
Compras de ações de grandes empresas foram suficientes para ofuscar as vendas em papéis de companhias que divulgaram fracos resultados trimestrais
Nikkei 1

Índice Nikkei, da bolsa de valores de Tóquio, no Japão

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

Tóquio - A Bolsa de Tóquio fechou em ligeira alta pela segunda vez seguida. Nesta quarta-feira, as compras em seletas ações de grandes empresas foram suficientes para ofuscar as vendas em papéis de companhias que divulgaram fracos resultados trimestrais, tais como Ricoh e Shiseido.

O Nikkei ganhou 7,28 pontos, ou 0,1%, e terminou aos 8.809,78 pontos, após alta de também 0,1% no pregão de terça-feira. O volume de negociações foi robusto, com 2,15 bilhões de ações.

O índice abriu em baixa, mas moveu-se, na maior parte da sessão, para acima do ponto de equilíbrio. Porém, em margem estreita de apenas 50 pontos. O apetite dos investidores, após os dados da produção industrial nipônica terem sido mais fortes do que o esperado, foi largamente atenuado pela valorização do iene e por balanços de lucros inexpressivos, o que manteve o avanço do mercado amplo em xeque.

"Não há muitos players que querem comprar ações com a relação dólar/iene ao nível 75", disse Fumiyuki Nakanishi, gerente geral de investimento e pesquisa da SMBC Friend Securities.

"Sabíamos que os lucros seriam ruins neste ano fiscal", afirmou Kenichi Hirano, diretor operacional da Tachibana Securities. "Contudo, as visões estão divididas para o próximo ano fiscal. É preciso ver o que acontecerá com as empresas japonesas, que provavelmente serão afetadas pela saúde da economia dos EUA e os contínuos problemas da dívida soberana europeia."

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame