Exame Invest
Mercados

CÂMBIO-Dólar fecha em leve alta ante real

PUBLICADO EM: 2.2.11 | 15H36
Por Silvio Cascione SÃO PAULO, 2 de fevereiro (Reuters) - O dólar ficou praticamente estável nesta quarta-feira, com leve alta frente ao real, em linha com a relativa aversão a risco no exterior. A moeda norte-americana subiu 0,24 por cento, para 1,668 real. Enquanto o mercado brasileiro fechava, o dólar tinha alta de 0,19 por […]
EXAME.com

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 2 de fevereiro (Reuters) - O dólar ficou
praticamente estável nesta quarta-feira, com leve alta frente
ao real, em linha com a relativa aversão a risco no exterior.

A moeda norte-americana subiu 0,24 por cento, para
1,668 real. Enquanto o mercado brasileiro fechava, o dólar
tinha alta de 0,19 por cento em relação a uma cesta com as
principais divisas , com o euro recuando das
máximas em dois meses, abaixo de 1,38 dólar.

"Não teve grandes oscilações, o dólar ficou numa banda
estreita", disse Jorge Lima, consultor financeiro da Previbank
DTVM. "Fevereiro, pelo andar da carruagem, começa exatamente
igual a janeiro. Muitas emissões, ofertas (de ações) de
empresas, e BC tendo que continuar atuando."

A autoridade monetária realizou dois leilões de compra de
dólares no mercado à vista nesta quarta-feira, com taxas de
corte a 1,6651 e 1,6672 real.

As intervenções do BC enxugaram mais de 7 bilhões de
dólares no mercado nas quatro primeiras semanas de janeiro,
segundo dados divulgados nesta tarde. Ainda assim, a entrada de
capitais alcançou 12,371 bilhões de dólares, número apenas um
pouco abaixo dos 13,726 bilhões de dólares registrados em
setembro do ano passado com a capitalização da Petrobras.

Diante dos esforços do governo para frear a valorização do
real e proteger a indústria, o ministro do Desenvolvimento,
Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, afirmou que o
governo poderá elevar as tarifas de importação de determinados
produtos. [ID:nN02131428]

Nos próximos dias, a agenda internacional ganha destaque
sobre a pauta doméstica. Entre os indicadores com divulgação
prevista está o número de pedidos de auxílio-desemprego e o
relatório sobre postos de trabalho nos Estados Unidos, na
quinta e na sexta-feira, respectivamente.

(Edição de Nathália Ferreira)

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame