Exame Invest
MERCADOS

Dólar abre em alta sob aversão ao risco no exterior

PUBLICADO EM: 14.1.15 | 9H30
O ambiente externo mais cauteloso imprime uma abertura em alta
Dólar

Dólar: às 9h19, a moeda norte-americana subia 0,53%, para R$ 2,647

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

São Paulo - O ambiente externo mais cauteloso imprime uma abertura em alta ao dólar ante o real. Às 9h19, a moeda norte-americana subia 0,53%, para R$ 2,647.

No exterior, volta a prevalecer o clima de aversão ao risco, acionado pelas previsões mais pessimistas para a economia global divulgadas ontem pelo Banco Mundial para este e o próximo ano, somada à queda nos preços das commodities, como petróleo e cobre.

Segundo a instituição, o Produto Interno Bruto (PIB) mundial deve crescer 3% em 2015 e 3,3% em 2016, ante estimativas anteriores de 3,4% e 3,5%, respectivamente.

Nesse contexto, as bolsas europeias recuam, após alguns pregões seguidos em alta, também diante da expectativa de que o Tribunal de Justiça Europeu anuncie nesta manhã sua decisão sobre a legalidade das Transações Monetárias Completas (OMT), que abriria espaço (ou não) para o Banco Central Europeu (BCE) anunciar um programa de compra de títulos.

Também estão no vermelho os índices futuros de ações em Wall Street.

Os investidores buscam ainda a segurança dos Treasuries, que operam com preços em alta e juros em baixa, e correm para o dólar que avança ante as demais moedas.

Pouco depois das 9h, o retorno projetado da T-note de 10 anos recuava a 1,885% e o euro era cotado em US$ 1,174.

Na agenda norte-americana, estão previstas para hoje as divulgações dos balanços trimestrais de JPMorgan e Wells Fargo, além de dados do varejo.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame