MERCADOS

Dólar cai ante real com ingressos e menor aversão a risco

PUBLICADO EM: 10.5.11 | 11H40
São Paulo - O dólar operava em baixa ante o real nesta terça-feira, com os investidores aproveitando o cenário de menor aversão a risco para intensificar a venda de moeda estrangeira a um patamar superior a 1,60 real. Às 11h13, a moeda norte-americana era cotada a 1,610 real, em baixa de 0,62 por cento. No […]
EXAME.com

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

São Paulo - O dólar operava em baixa ante o real nesta terça-feira, com os investidores aproveitando o cenário de menor aversão a risco para intensificar a venda de moeda estrangeira a um patamar superior a 1,60 real.

Às 11h13, a moeda norte-americana era cotada a 1,610 real, em baixa de 0,62 por cento.

No exterior, dados sobre comércio na China tranquilizaram os investidores de que o país caminha para uma desaceleração moderada do crescimento, e não para uma parada abrupta.

"O mercado começou a se acomodar um pouco ... Está com a percepção de que chegou a um patamar onde atrai mais vendedor, exportador, captações", disse José Carlos Amado, operador da corretora Renascença.

O dólar tem sido cotado acima de 1,60 real desde o dia 4 de maio. A moeda superou esse patamar em meio a uma queda abrupta dos preços das commodities na semana passada e após a diminuição da entrada de dólares ao longo do mês passado.

Entre as captações anunciadas recentemente, destaca-se a emissão de bônus de três e cinco anos pelo Bradesco , no montante total de 1,35 bilhão de dólares.

No mercado futuro, as posições vendidas dos estrangeiros, que vinham diminuindo de 17,5 bilhões a 13,7 bilhões de dólares na semana passada, voltaram a crescer na segunda-feira para 14,4 bilhões de dólares, considerando o mercado futuro de dólares e o de cupom cambial (DDI).

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame