Exame Invest
Mercados

Dow, Nasdaq e S&P-500 acumular altas no ano na bolsa de NY

PUBLICADO EM: 8.1.15 | 19H04
Todas as 30 componentes do índice Dow Jones fecharam em alta, com destaque para UnitedHealth (+4,77%), DuPont (+3,07%), Microsoft (+2,94%) e 3M (+2,40%)
Operador da NYSE:

NYSE: mercado acompanhou os ganhos das bolsas europeias

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Nova York - A Bolsa de Nova York fechou em alta nesta quinta-feira, 8, com os índices Dow Jones, Nasdaq e S&P-500 passando a acumular alta desde o início de 2015.

O mercado acompanhou os ganhos das bolsas europeias, em meio à expectativa de que o Banco Central Europeu (BCE) anuncie novas medidas de estímulo à economia na reunião do dia 22.

O mercado também reagiu a declarações feitas ontem à noite pelo presidente do Federal Reserve Bank de Chicago, Charles Evans; ele disse que a meta de inflação de 2% pode não ser alcançada até 2018 e que não aconselha elevar as taxas de juro de curto prazo até 2016.

"Não é uma declaração chocante, vinda dele, mas ela confirma que os dirigentes do Fed continuam a olhar para a paisagem para assegurar que não vão elevar as taxas de juro cedo demais ou rapidamente demais", comentou Chuck Self, da iSectors.

David Seaburg, da corretora Cowen & Co., observou que boa parte do movimento de compra de hoje foi por parte de grandes investidores institucionais que não haviam se aproveitado das quedas das primeiras sessões do ano para comprar.

"Há no mercado um temor generalizado de ficar para trás", acrescentou.

Todas as 30 componentes do índice Dow Jones fecharam em alta, com destaque para UnitedHealth (+4,77%), DuPont (+3,07%), Microsoft (+2,94%) e 3M (+2,40%).

Dois informes sobre emprego saíram pela manhã nos EUA: o Departamento do Trabalho informou que o número de pedidos de auxílio-desemprego feitos na semana passada ficou em 294 mil, 4 mil a menos do que na semana anterior; a expectativa dos economistas era de 290 mil.

A Challenger, Gray & Christmas informou que foram anunciadas 32.640 demissões no ano passado, de 35.940 em novembro.

Nesta sexta-feira, 9, saem os dados oficiais do Departamento do Trabalho sobre o nível de emprego em dezembro; a expectativa de economistas ouvidos pela Dow Jones é de que tenham sido criados 240 mil postos de trabalho e que a taxa de desemprego tenha recuado para 5,7%, de 5,8% em novembro.

O índice Dow Jones fechou em alta de 323,35 pontos (1,84%), em 17.907,87 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 85,72 pontos (1,84%), em 4.736,19 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 36,24 pontos (1,79%), em 2.062,14 pontos.

Fonte: Dow Jones Newswires.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame