Exame Invest
Mercados

Gol espera seguir caminho da Multiplus com IPO da Smiles

PUBLICADO EM: 21.12.12 | 8H58
Um bem-sucedido IPO para a Smiles este ano pode ajudar a Gol a reduzir seu endividamento. Empresa quer repetir o sucesso da Multiplus, da Tam, que já acumulou alta de 52% em 2012
Avião da GOL pintada com logo do programa de fidelidade Smiles

Avião da Gol com símbolo da Smiles: empresa espera repetir sucesso da Multiplus, que já pagou mais de um bilhão de reais em dividendos desde a abertura de capital, em 2010

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

A Multiplus SA, programa de fidelidade que nasceu de uma divisão da Tam SA, abriu um caminho que a Gol Linhas Aéreas Inteligentes SA espera seguir com a venda de ações de seu programa de fidelidade Smiles como forma de reduzir o endividamento.

A Multiplus pagou mais de R$ 1 bilhão em dividendos desde a abertura do capital em 2010, uma benção para a empresa que a originou, que ainda controla 73 por cento da companhia. Suas ações acumulam alta de 52 por cento neste ano até ontem, superando o avanço de 8 por cento do Ibovespa.

O valor de mercado da Multiplus disparou depois que a Tam fez acordo para se unir à Lan Airlines SA para formar a Latam Airlines Group SA. Um bem-sucedido IPO para a Smiles em 2013 pode ser um impulso para a Gol reduzir as perdas.

“A Smiles está dando esses passos e um IPO pode destravar o preço da Gol”, disse Felipe Silveira, analista da Coinvalores, que recomenda manutenção para a ação e não tem o papel em sua carteira. “Uma vez separado o preço, será mais fácil avaliar quanto esse ativo acrescenta à empresa como um todo. Então será possível elevar o valor de mercado da empresa mãe.”

A Gol, empresa aérea mais endividada do mundo, eliminou voos e reduziu postos de trabalho para lidar com a alta nos custos de combustíveis e a flutuação cambial que ajudaram a elevar seus prejuízos em cinco dos seis últimos trimestres. A Gol pretende separar a Smiles de sua estrutura em 2013, antes de abrir o capital da unidade na bolsa.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame