Exame Invest
Mercados

Justiça proíbe Cielo de usar marca e ações desabam 6%

PUBLICADO EM: 14.10.14 | 16H34
Justiça Federal proibiu a companhia de usar a marca em uma disputa com o nadador Cesar Cielo
Nadador Cesar Cielo

Cesar Cielo: empresa de meios de pagamento perdeu uma disputa na Justiça contra o nadador pelo uso da marca

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

São Paulo - As ações da empresa de meios de pagamento Cielo caíam com força nesta terça-feira, após decisão da Justiça Federal no Rio de Janeiro que proibiu a companhia de usar a marca, em uma disputa com o nadador Cesar Cielo.

Às 16h15, a ação da maior empresa de cartões do país caía 6,5 por cento na Bovespa, cotada a 38,58 reais. No mesmo instante, o Ibovespa avançava 0,1 por cento.

Consultada, a empresa afirmou que vai recorrer da decisão, que é de primeira instância.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame