Exame Invest
Mercados

Oracle fustra previsões de vendas e ações mergulham

PUBLICADO EM: 21.12.11 | 7H57
A terceira maior produtora de software do mundo divulgou lucro, excluindo itens não recorrentes, de 0,54 dólar por ação em seu segundo trimestre
12. Oracle

O resultado marcou a primeira vez que a companhia frustrou expectativas de Wall Street em uma década

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

Los Angeles - A gigante de tecnologia Oracle frustrou as previsões de Wall Street para lucro e vendas, levando suas ações a mergulhar 9 por cento na terça-feira, o que elevou preocupações de que o ritmo lento da economia mundial poderá atingir os gastos com tecnologia.

A terceira maior produtora de software do mundo divulgou lucro, excluindo itens não recorrentes, de 0,54 dólar por ação em seu segundo trimestre (não GAAP), encerrado em 30 de novembro, abaixo da previsão média de analistas, de 0,57 dólar, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S. No padrão GAAP, o lucro foi de 0,43 dólar por ação.

O resultado marcou a primeira vez que a companhia frustrou expectativas de Wall Street em uma década.

"Toda companhia de tecnologia vai ser afetada. É apenas o começo", disse Trip Chowdhry, analista da Global Equities Research.


A venda de novos softwares cresceu 2 por cento contra o ano anterior, para 2 bilhões de dólares, durante o trimestre. Analistas, em média, estavam esperando novas vendas de software de 2,2 bilhões de dólares, de acordo com o StreetAccount.

A companhia também reportou que a venda de produtos de hardware caiu 14 por cento, para 953 milhões de dólares, abaixo da média projetada pelo StreetAccount, de 1,06 bilhão de dólar

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame