Exame Invest
MERCADOS

Petróleo sobe a US$ 108 em NY em reação a estoques

PUBLICADO EM: 14.4.11 | 17H34
Nova York - Os preços do petróleo fecharam em alta em Nova York, ainda em reação à redução dos estoques norte-americanos de gasolina, relatada ontem no informe semanal do Departamento de Energia (DOE). Outro fator foi o recuo do dólar frente ao euro, que tornou o petróleo mais barato para investidores que usam outras moedas. […]
EXAME.com

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Nova York - Os preços do petróleo fecharam em alta em Nova York, ainda em reação à redução dos estoques norte-americanos de gasolina, relatada ontem no informe semanal do Departamento de Energia (DOE). Outro fator foi o recuo do dólar frente ao euro, que tornou o petróleo mais barato para investidores que usam outras moedas. O preço do petróleo Brent, mais consumido na Europa e na Ásia, fechou em baixa.

O recuo do dólar foi atribuído à cautela dos investidores antes das esperadas batalhas no Congresso dos EUA em torno do Orçamento e do limite de endividamento do governo; outro fator foi o indicador de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA na semana passada, que alimentou a expectativa de que o Federal Reserve (Fed, banco central americano) mantenha frouxa a política monetária.

O mercado continua atento aos acontecimentos na Líbia, onde as forças leais ao coronel Muamar Kadafi e os rebeldes continuam a combater pelo controle das cidades de Misurata e Ajdabiya; aviões da Otan, a aliança militar liderada pelos EUA, voltaram a bombardear Trípoli, a capital, e os governos dos países da Otan voltaram a manifestar divergências sobre se vão fornecer armas aos rebeldes.

Na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês), os contratos futuros de petróleo bruto para maio fecharam a US$ 108,11 por barril, em alta de US$ 1,00 (0,93%). Na Intercontinental Exchange (ICE), os contratos do petróleo Brent para maio fecharam a US$ 122,36 por barril, em queda de US$ 0,52 (0,42%). As informações são da Dow Jones.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame