Exame Invest
Mercados

Vale pode distribuir mais US$6 bilhões em dividendos, diz acionista

PUBLICADO EM: 20.4.12 | 11H46
Impressão foi passada pela Bradespar durante reunião na Apimec
Supernavio da Vale

Objetivo de preço representa um potencial de valorização de aproximadamente 43%

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

São Paulo – Os principais acionistas da Vale (VALE3; VALE5) acreditam que a mineradora pode distribuir mais 6 bilhões de dólares em dividendos, disse a Bradespar (BRAP3; BRAP4) durante uma reunião realizada na Apimec (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimentos do Mercado de Capitais), acompanhada pelo Citi.

“Na opinião da Bradespar, a Vale poderia ter espaço para aumentar os US$ 6 bi em distribuição de dividendos em 2012. Segundo a empresa, os acionistas do bloco de controle acreditam que a Vale deveria distribuir o caixa que não usará nos investimentos em seus planos de expansão”, relatam os analistas Alexander Hacking e Thiago Ojea.

Segundo eles, a decisão será tomada na metade do ano, quando a empresa irá rever sua necessidade de caixa. “Em nosso modelo, a Vale tem US$ 22 bi em fluxo de caixa operacional (FCO) em 2012 e teria de cortar os investimentos para menos de US$ 16 bi para poder elevar a distribuição de dividendos (considerando que a dívida não aumente). Isso parece improvável considerando a meta de investimento de US$ 21 bi”, ressaltam.

A empresa de investimentos do Bradesco possui 21% das ações ordinárias da Valepar, que controla a Vale. O Citi tem um preço-alvo de 33 dólares para as ADRs (American Depositary Receipts) VALE que representam as ações ordinárias VALE3. O objetivo de preço representa um potencial de valorização de aproximadamente 43%.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame