MERCADOS

Wall St tomba sob peso de Apple e S&P rompe nível de suporte

PUBLICADO EM: 25.9.14 | 13H05
Índice Standard & Poor's 500 tinha desvalorização de 1,25 por cento, para 1.973 pontos
Apple

Ação da Apple, que caía 3,3 por cento, era a que mais pesava sobre os índices S&P e Nasdaq 100

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Nova York - As ações dos Estados Unidos tinham forte queda nesta quinta-feira, com os três principais índices acionários caindo mais de 1 por cento e o Standard & Poor's 500 recuando abaixo de um nível importante de suporte, puxados pela baixa do papel da Apple.

Às 12h47 (horário de Brasília), o índice Dow Jones recuava 1,22 por cento, para 17.001 pontos. O índice Standard & Poor's 500 tinha desvalorização de 1,25 por cento, para 1.973 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq caía 1,62 por cento, para 4.481 pontos.

A ação da Apple, que caía 3,3 por cento, era a que mais pesava sobre os índices S&P e Nasdaq 100, após a companhia tirar do ar a atualização de seu novo sistema operacional.

Em vendas disseminadas, todos os dez índices setoriais do S&P operam em território negativo, com o índice de tecnologia registrandoo pior desempenho. O S&P 500 também rompeu a média móvel de 50 dias, em torno de 1.976 pontos, importante nível de suporte em que o S&P vinha rebatendo quando testado.

"A pergunta é, há algum catalisador que nos permita recuperar-nos e nos impulsione?", disse o vice-presidente sênior do Cuttone & Co, Keith Bliss.

As encomendas de bens duráveis caíram 18,2 por cento em agosto, amplamente em linha com as expectativas, enquanto os pedidos iniciais de auxílio-desemprego cresceram 12 mil, a 293 mil, na semana que terminou em 20 de setembro.

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame