Auxílio emergencial: veja quem deve atualizar os dados no Caixa Tem | Exame Invest
Exame Invest
Minhas Finanças

Auxílio emergencial: veja quem deve atualizar os dados no Caixa Tem

PUBLICADO EM: 30.3.21 | 6H10
ATUALIZAÇÃO: 31.3.21 | 12H43
A atualização é feita pelo celular, não sendo preciso ir até uma agência da Caixa
Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal.

(Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Foto de Karla Mamona da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Karla Mamona

Repórter da Exame



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Os trabalhadores nascidos em novembro que receberam o auxílio emergencial devem atualizar os seus dados cadastrais a partir desta terça-feira, 30. 

A atualização é feita pelo celular, não sendo preciso ir até uma agência da Caixa. No aplicativo Caixa Tem, o usuário deve acessar a conversa “Atualize seu cadastro” e enviar a documentação solicitada: foto (selfie) e um documento de identificação (RG ou CNH). Veja o tutorial completo.

A atualização cadastral está sendo realizada de forma escalonada, seguindo o mês de nascimento dos beneficiários do programa. A atualização segue até o dia 31 de março, com os nascidos em dezembro.

Veja o calendário:

Data para atualizaçãoMês de nascimento
A partir do dia 14/03Janeiro
A partir do dia 16/03Fevereiro
A partir do dia 18/03Março
A partir do dia 20/03Abril
A partir do dia 22/03Maio
A partir do dia 23/03Junho
A partir do dia 24/03Julho
A partir do dia 25/03Agosto
A partir do dia 26/03Setembro
A partir do dia 29/03Outubro
A partir do dia 30/03Novembro
A partir do dia 31/03Dezembro

Nova rodada: veja os valores

O governo já publicou a medida provisória que regulamenta o pagamento do auxílio emergencial em 2021. Segundo a MP, o benefício serão quatro parcelas de 250 reais, sendo limitado a um beneficiário por família. No caso das mulheres provedoras de família monoparental, o valor do auxílio emergencial será de 375 reais. Em caso de família unipessoal (solteiros, viúvos), o valor do benefício será de 150 reais.  

O pagamento será da mesma forma que ocorreu no ano passado e poderá ser realizado por meio de conta do tipo poupança social digital, aberta em nome do beneficiário. O calendário de pagamento da nova rodada do auxílio emergencial está pronto, segundo o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. As datas de pagamento, no entanto, dependem de validação do presidente Jair Bolsonaro. 


Recomendado para você


Leia também

Foto de Karla Mamona da Editoria Exame Invest que escreveu o artigo
Karla Mamona

Repórter da Exame


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame