14 milhões poderão consultar se auxílio emergencial foi aprovado às 21h | Exame Invest
Exame Invest
Minhas Finanças

14 milhões poderão consultar se auxílio emergencial foi aprovado às 21h

PUBLICADO EM: 15.5.20 | 17H53
ATUALIZAÇÃO: 15.5.20 | 18H39
Consulta pode ser feita por meio do app Caixa Tem. Deles, apenas 8,3 milhões tiveram o auxílio aprovado
Auxílio emergencial

Calendário da segunda parcela do benefício para quem recebeu a primeira a partir do dia 1º de maio ainda será divulgado (Marcello Casal JrAgência Brasil)

Imagem da Editoria Exame Invest
Marília Almeida

Repórter da Exame



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

Cerca de 14 milhões de brasileiros saberão nesta sexta-feira, 15, às 21h, se tiveram o auxílio emergencial de R$ 600 aprovado. Deles, apenas 8,3 milhões foram aprovados. A consulta pode ser feita por meio do app Caixa Auxílio Emergencial.

Veja abaixo o calendário do pagamento da primeira parcela para os trabalhadores que foram aprovados hoje:

Tabela 4 Caixa - Calendário segunda parcela

Tabela 4 Caixa - Calendário segunda parcela (Caixa/Reprodução)

Para os outros 5,7 milhões de trabalhadores o banco dará cerca de seis motivos diferentes pelo qual o auxílio foi negado, dando a oportunidade de o trabalhador regularizar eventual erro e realizar um novo pedido, se for o caso. É o que anunciou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, em coletiva transmitida nesta sexta-feira (15).

Segundo Gustavo Canuto, presidente da Dataprev, empresa que está dando apoio à Caixa para aprovação dos benefícios, entre os 5,7 milhões de cadastros pendentes de processamento, 1,5 milhão são referentes a pedidos feitos em abril e 4,2 milhões referentes a maio.

A demora do processamento é justificada pelo executivo por conta da complexidade do processo. Para realizar a aprovação dos cadastros é necessário checar 17 bases de dados governamentais. "Cada uma tem uma peculiaridade especifica. Consultamos a Receita federal, a Secretaria do Trabalho, o Poder Judiciário, entre outras", disse o executivo em coletiva realizada em Brasília.

EXAME Research — 30 dias grátis da melhor análise de investimentos

O pagamento da segunda parcela para trabalhadores que receberam a primeira parcela a partir do dia 1º de maio ainda será divulgada pelo Ministério da Cidadania, bem como o calendário da terceira parcela.

As últimas notícias do auxílio emergencial


Recomendado para você


Leia também

Imagem da Editoria Exame Invest
Marília Almeida

Repórter da Exame


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame