Exame Invest
Minhas Finanças

Andar de carro ficou 0,27% mais barato em agosto

PUBLICADO EM: 4.9.13 | 17H08
Inflação do carro da Autoinforme/Molicar mostra que ter e manter um carro ficou mais barato no mês passado por conta dos preços dos combustíveis
Carro com dinheiro no compartimento do combustível

Carro com dinheiro no compartimento de combustível: queda da gasolina e do álcool barateou custo de ter um carro

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 2MIN

São Paulo – Andar de carro ficou 0,27% mais barato em agosto, queda puxada pelos preços dos combustíveis. No acumulado do ano, o custo de manter um automóvel subiu 3,8%, alta superior ao índice inflacionário da cidade de São Paulo, o IPC-Fipe, que no ano foi de 1,99%.

A gasolina ficou 1,43% mais barata em agosto, e o álcool (etanol) teve queda ainda mais acentuada, de 2,3%. Na média, os preços dos combustíveis caíram 2,0% no mês. O combustível é o item que mais pesa no bolso do consumidor, com uma participação de 30% do total dos gastos que o motorista tem para andar de carro e fazer a manutenção preventiva.

Esta foi a quinta queda mensal seguida do preço da gasolina e do álcool. No acumulado do ano, porém, esses combustíveis estão 1,6% mais caros.

Com esse desempenho dos combustíveis, o setor de serviços passou a ser o vilão do bolso do motorista. Os serviços automotivos ficaram 4,9% mais caros em 2013. A lavagem simples do carro foi o item que mais subiu: 13,6% no ano. O estacionamento também teve alta expressiva, de nada menos que 5,1% no ano.

A inflação do carro, medida pela Autoinforme/Molicar, mensura o quanto fica mais caro ou mais barato ter e manter um carro na cidade de São Paulo, contando custos como serviços, combustíveis, seguros e impostos de circulação.

Veja o desempenho de cada item acompanhado em agosto, segundo a Autoinforme/Molicar:

Itens que mais subiram no mês
Mão de obra/Revisões: +1,33%
Franquia do seguro: +1,26%
Filtro de combustível: +0,88%

Itens que mais caíram em agosto
Álcool: -2,30%
Gasolina: -1,43%
Óleo motor: -0,33%
Correia dentada: -0,32%

Itens que mais subiram no ano
Lavagem simples: +13,61%
Franquia do seguro: +5,92%
Estacionamento para duas horas: +5,16%

Imagem da Editoria Exame Invest
Exame Solutions

Apresentado por


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame