As ações mais indicadas para maio, segundo 18 corretoras | Exame Invest
Exame Invest
Minhas Finanças

As ações mais indicadas para maio, segundo 18 corretoras

PUBLICADO EM: 4.5.17 | 5H00
ATUALIZAÇÃO: 8.5.17 | 10H02
Papéis da Petrobras foram recomendados por 15 corretoras e mantiveram a liderança neste mês. Veja o levantamento completo feito por EXAME.com
troféu

(Getty Images/iStockphoto)

Imagem da Editoria Exame Invest
Anderson Figo



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 11MIN

São Paulo — As ações da Petrobras (PETR4) se mantiveram no topo das indicações de corretoras e bancos para maio. Elas foram sugeridas em 15 das 18 carteiras recomendadas de ações recebidas por EXAME.com neste mês.

Em segundo lugar, ficaram as ações do Itaú Unibanco (ITUB4), com 13 indicações. Já a B3 (BVMF3) completou o pódio, com 9 recomendações para maio.

Em abril, a carteira com melhor desempenho foi a da corretora Geração Futuro, que teve valorização de 5,9%, enquanto o Ibovespa —principal índice da Bolsa brasileira— subiu 0,6% no período.

Na outra ponta, a carteira da Bradesco Corretora apresentou o pior desempenho no mês passado: uma queda de 4,1%.

Dos 18 portfólios recebidos, apenas cinco tiveram desempenho negativo em abril. Veja abaixo o desempenho acumulado pelas carteiras de cada uma das instituições financeiras no mês passado e em 2017.

InstituiçãoAbril2017
Geração Futuro5,90%11,65%
Planner5,40%21,27%
Quantitas4,34%13,78%
Rico3,69%23,72%
Lerosa2,86%5,69%
Geral Investimentos2,09%0,46%
Elite1,87%10,34%
Spinelli1,50%11,90%
Ativa1,40%8%
BB Investimentos1,25%10,53%
Coinvalores1,10%12,50%
Walpires0,95%10,97%
Citi Corretora0,60%10,40%
Magliano-0,04%7,10%
XP Investimentos-0,90%4,40%
Nova Futura-1,03%8,70%
Guide-1,89%7,75%
Bradesco Corretora-4,10%3,90%

As mais indicadas

A XP Investimentos segue com uma visão otimista para a Petrobras, citando, entre outras coisas, que a empresa é controlada pelo governo e atua em diversos segmentos, como exploração e produção de petróleo, refino, comercialização, transporte e petroquímico.

"O ambiente para a empresa melhorou significativamente nos últimos meses, devido a fatores como a troca da presidência da empresa, (...) a alta de cerca de 25% preço do petróleo no segundo trimestre de 2016, e a queda no preço do dólar no mesmo período", avaliou a corretora. "Reiteramos nossa visão positiva sobre o ativo, e seguimos otimistas com o plano de desinvestimento da empresa."

Para o Itaú, a equipe de análise da Citi Corretora afirmou que o banco é bastante eficiente e conta com balanço sólido. Segundo a Citi, o excesso de capital proporciona flexibilidade ao banco para manter em nível mais elevado o "payout ratio" (a proporção do lucro distribuída na forma de dividendos entre os acionistas).

"[O Itaú] possui o maior ROE [retorno sobre o patrimônio, um indicador financeiro da capacidade da companhia de agregar valor a ela mesma utilizando seus próprios recursos] do sistema bancário brasileiro, por isso deve negociar com prêmio em relação aos pares", disse a Citi Corretora.

Já as avaliações para a B3 giram em torno da fusão entre BM&F Bovespa e Cetip, "que deve trazer ganhos potenciais de sinergia e atratividade" para a companhia, segundo a Bradesco Corretora.

"Após um longo período de movimento fraco de operações de abertura de capital no Brasil, vemos novos fatores que poderão impulsionar investimentos privados, beneficiando diretamente o giro de negócios do segmento Bovespa, assim como também é o caso dos negócios com os títulos de renda fixa", disse a corretora.

Veja abaixo as carteiras recomendadas por 18 corretoras para o mês de maio. Elas estão organizadas por ordem alfabética.

Ativa

Desempenho em abril: 1,4%
Desempenho em 2017: 8%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Banco do Brasil (BBAS3)ND10
BR Malls (BRML3)ND7
Equatorial (EQTL3)ND10
Gerdau (GGBR4)ND16
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
Klabin (KLBN11)ND10
Petrobras (PETR4)ND7
Raia Drogasil (RADL3)ND10
Ultrapar (UGPA3)ND10
Via Varejo (VVAR11)ND10

BB Investimentos

Desempenho em abril: 1,25%
Desempenho em 2017: 10,53%
Ações incluídas: Eletropaulo, Hering, Hypermarcas, Klabin, Kroton, Raia Drogasil e Santander Brasil.
Ações retiradas: ABC Brasil, Equatorial, Fibria, Natura, Petrobras, Transmissão Paulista e Via Varejo.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Cielo (CIEL3)ND10
Eletropaulo (ELPL4)ND10
Hering (HGTX3)ND10
Hypermarcas (HYPE3)ND10
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
Klabin (KLBN11)ND10
Kroton (KROT3)ND10
Iochpe-Maxion (MYPK3)ND10
Raia Drogasil (RADL3)ND10
Santander Brasil (SANB11)ND10

Bradesco

Desempenho em abril: -4,1%
Desempenho em 2017: 3,9%
Ações incluídas: Iochpe-Maxion e Renner.
Ações retiradas: Cemig e Copasa.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
B3 (BVMF3)23,0010
Banco do Brasil (BBAS3)39,0010
Cesp (Cesp6)24,0010
Iochpe-Maxion (MYPK3)21,0010
Itaú Unibanco (ITUB4)42,0010
Klabin (KLBN11)16,0010
Petrobras (PETR4)20,0010
Renner (LREN3)30,0010
Suzano (SUZB5)15,0010
Usiminas (USIM5)6,5010

Citi

Desempenho em abril: 0,6%
Desempenho em 2017: 10,4%
Ação incluída: Lojas Americanas.
Ação retirada: Energisa.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Braskem (BRKM5)42,8010
Ecorodovias (ECOR3)10,9010
Gerdau (GGBR4)13,9010
Iguatemi (IGTA3)40,0010
Itaú Unibanco (ITUB4)46,0010
Localiza (RENT3)50,0010
Lojas Americanas (LAME4)20,7010
Petrobras (PETR4)21,5010
Raia Drogasil (RADL3)73,0010
Taesa (TAEE11)25,6010

Coinvalores

Desempenho em abril: 1,1%
Desempenho em 2017: 12,5%
Ação incluída: Cosan e Iochpe-Maxion.
Ações retiradas: Duratex e Light.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Alupar (ALUP11)ND6
B3 (BVMF3)ND6
Bradesco (BBDC4)ND8
Cosan (CSAN3)ND6
Eztec (EZTC3)ND6
Gerdau (GGBR4)ND8
Hypermarcas (HYPE3)ND6
Iguatemi (IGTA3)ND6
Iochpe-Maxion (MYPK3)ND6
Itaú Unibanco (ITUB4)ND8
Renner (LREN3)ND6
Petrobras (PETR4)ND8
São Carlos (SCAR3)ND6
Smiles (SMLE3)ND8
Vale (VALE5)ND6

Elite

Desempenho em abril: 1,87%
Desempenho em 2017: 10,34%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Ambev (ABEV3)ND5
B3 (BVMF3)ND5
BB Seguridade (BBSE3)ND5
Bradesco (BBDC4)ND10
BRF (BRFS3)ND5
CCR (CCRO3)ND5
Hypermarcas (HYPE3)ND5
Itaú Unibanco (ITUB4)ND15
Klabin (KLBN11)ND5
Localiza (RENT3)ND5
Petrobras (PETR4)ND10
Renner (LREN3)ND5
Telefônica Brasil - Vivo (VIVT4)ND5
Ultrapar (UGPA3)ND5
Vale (VALE5)ND10

Geração Futuro

Desempenho em abril: 5,90%
Desempenho em 2017: 11,65%
Ações incluídas: CVC Brasil, Itaú Unibanco, Klabin, Marcopolo e Porto Seguro.
Ações retiradas: BB Seguridade, Engie Brasil, Natura, Odontoprev e Ser Educacional.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Ambev (ABEV3)ND10
Bradesco (BBDC4)ND10
CSU Cardsystem (CARD3)ND10
CVC Brasil (CVCB3)ND10
Grendene (GRND3)ND10
Hering (HGTX3)ND10
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
Klabin (KLBN11)ND10
Marcopolo (POMO4)ND10
Porto Seguro (PSSA3)ND10

Geral Investimentos

Desempenho em abril: 2,09%
Desempenho em 2017: 0,46%
Ações incluídas: Tupy e Bradesco.
Ação retirada: Transmissão Paulista e Minerva.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Banrisul (BRSR6)ND10
Bradesco (BBDC4)ND10
Equatorial (EQTL3)ND10
Eztec (EZTC3)ND10
Iguatemi (IGTA3)ND10
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
Raia Drogasil (RADL3)ND10
São Martinho (SMTO3)ND10
Tupy (TUPY3)ND10
Valid (VLID3)ND10

Guide

Desempenho em abril: -1,89%
Desempenho em 2017: 7,75%
Ações incluídas: Itaú Unibanco, JSL, M. Dias Branco, Multiplus e Lojas Americanas.
Ações retiradas: Ambev, Cesp, Cyrela, Equatorial e Sabesp.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
B3 (BVMF3)ND10
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
JSL (JSLG3)ND10
Lojas Americanas (LAME4)ND10
M. Dias Branco (MDIA3)ND10
Multiplus (MPLU3)ND10
Petrobras (PETR4)ND10
Rumo (RAIL3)ND10
Telefônica Brasil ? Vivo (VIVT4)ND10
Weg (WEGE3)ND10

Lerosa

Desempenho em abril: 2,86%
Desempenho em 2017: 5,69%
Ação incluída: Klabin.
Ação retirada: Nenhuma.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Ambev (ABEV3)ND5
B3 (BVMF3)ND10
Banco do Brasil (BBAS3)ND10
BB Seguridade (BBSE3)ND10
BR Malls (BRML3)ND10
Hypermarcas (HYPE3)ND10
Klabin (KLBN11)ND5
Pão de Açúcar (PCAR4)ND5
Petrobras (PETR4)ND10
Raia Drogasil (RADL3)ND10
Renner (LREN3)ND5
Suzano (SUZB5)ND5
Telefônica Brasil - Vivo (VIVT4)ND5

Magliano

Desempenho em abril: -0,04%
Desempenho em 2017: 7,1%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço justo, em R$Peso, em %
Ambev (ABEV3)22,9210
B3 (BVMF3)24,1510
Cemig (CMIG4)11,4610
Fleury (FLRY3)49,7510
Gerdau (GGBR4)15,1110
Itaú Unibanco (ITUB4)45,4210
Petrobras (PETR4)22,0210
Raia Drogasil (RADL3)89,4010
Usiminas (USIM5)6,4010
Vale (VALE3)40,6010

Nova Futura

Desempenho em abril: -1,03%
Desempenho em 2017: 8,70%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
B3 (BVMF3)ND10
Banco do Brasil (BBAS3)ND5
BB Seguridade (BBSE3)ND5
Cielo (CIEL3)ND10
Fibria (FIBR3)ND10
Gerdau (GGBR4)ND5
Itaú Unibanco (ITUB4)ND10
Klabin (KLBN11)ND5
Petrobras (PETR4)ND10
Sabesp (SBSP3)ND10
Sulamérica (SULA11)ND10
Vale (VALE5)ND10

Planner

Desempenho em abril: 5,40%
Desempenho em 2017: 21,27%
Ações incluídas: Itaúsa, Kroton, Multiplus e Petrobras.
Ações retiradas: MRV, Raia Drogasil, Ser Educacional e Sabesp.

AçãoPreço justo, em R$Peso, em %
BB Seguridade (BBSE3)37,0010
Itaúsa (ITSA4)12,0010
Klabin (KLBN1)19,0010
Kroton (KROT3)16,0010
Multiplan (MULT3)65,0010
Multiplus (MPLU3)43,0010
Petrobras (PETR4)15,0010
Taesa (TAEE11)25,0010
Telefônica Brasil - Vivo (VIVT4)50,0010
Weg (WEGE3)18,0010

Quantitas

Desempenho em abril: 4,34%
Desempenho em 2017: 13,78%
Ação incluída: Eztec.
Ação retirada: Bradesco.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
B3 (BVMF3)ND12,5
BB Seguridade (BBSE3)ND5
Eztec (EZTC3)ND5
Grendene (GRND3)ND5
Guararapes (GUAR3)ND15
Hypermarcas (HYPE3)ND7,5
Itaú Unibanco (ITUB4)ND12,5
Metalúrgica Gerdau (GOAU4)ND7,5
Multiplan (MULT3)ND10
Petrobras (PETR4)ND12,5
SLC Agrícola (SLCE3)ND7,5

Rico

Desempenho em abril: 3,69%
Desempenho em 2017: 23,72%
Ações incluídas: Bradesco, Bradespar, CSN, Itaúsa, Petrobras, Weg e JBS.
Ações retiradas: BRF, BR Properties, Cielo, Porto Seguro, Raia Drogasil, Transmissão Paulista e Via Varejo.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Bradesco (BBDC4)ND10
Bradespar (BRAP4)ND10
CSN (CSNA3)ND10
Itaúsa (ITSA4)ND10
JBS (JBSS3)ND10
Lojas Americanas (LAME4)ND10
Minerva (BEEF3)ND10
Petrobras (PETR4)ND10
Sabesp (SBSP3)ND10
Weg (WEGE3)ND10

Spinelli

Desempenho em abril: 1,5%
Desempenho em 2017: 11,9%
Ações incluídas: Grendene, Santander Brasil, Copasa e Sanepar.
Ações retiradas: BR Malls, Bradesco, Gerdau e Itaú Unibanco.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
BR Properties (BRPR3)ND3,5
Braskem (BRKM5)ND7
BTG Pactual (BBTG11)ND7
Copasa (CSMG3)ND2
Direcional (DIRR3)ND7
Embraer (EMBR3)ND7
Fras-le (FRAS3)ND7
Grendene (GRND3)ND5,5
Magazine Luiza (MGLU3)ND5,5
Mills (MILS3)ND3,5
Petrobras (PETR4)ND7,5
Rumo (RAIL3)ND7
Sanepar (SAPR4)ND2
Santander Brasil (SANB11)ND3,5
SLC Agrícola (SLCE3)ND7
Sonae Sierra (SSBR3)ND3,5
Springs Global (SGPS3)ND3,5
Suzano (SSBR3)ND4
Wiz (PARC3)ND7

Walpires

Desempenho em abril: 0,95%
Desempenho em 2017: 10,97%
Ações incluídas: Hering, Rumo e Comgás.
Ações retiradas: B3, CCR e Suzano.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Bradesco (BBDC4)ND10
Cemig (CMIG4)ND10
Comgás (CGAS5)ND10
Hering (HGTX3)ND10
Hypermarcas (HYPE3)ND10
Pão de Açúcar (PCAR4)ND10
Petrobras (PETR4)ND10
Rumo (RAIL3)ND10
Sabesp (SBSP3)ND10
Smiles (SMLE3)ND10

XP Investimentos

Desempenho em abril: -0,9%
Desempenho em 2017: 4,4%.
Ações incluídas: Pão de Açúcar e BB Seguridade.
Ações retiradas: Sabesp e Fibria.

AçãoPreço-alvo, em R$Peso, em %
Itaú Unibanco (ITUB4)ND13
Banco do Brasil (BBAS3)ND10
Petrobras (PETR4)ND13
Vale (VALE5)ND8
B3 (BVMF3)ND7
Lojas Americanas (LAME4)ND6
Raia Drogasil (RADL3)ND7
Ecorodovias (ECOR3)ND6
Cosan (CSAN3)ND7
BR Malls (BRML3)ND6
Pão de Açúcar (PCAR4)ND10
BB Seguridade (BBSE3)ND7

As ações mais indicadas

Nas 18 carteiras recebidas por EXAME.com para maio, foram recomendadas ações de 83 empresas da Bolsa. Veja abaixo a lista com os papéis que mais receberam indicações para este mês.

Empresa/AçãoRecomendações
Petrobras (PETR4)15
Itaú Unibanco (ITUB4)13
B3 (BVMF3)9
Klabin (KLBN1)8
Raia Drogasil (RADL3)7
BB Seguridade (BBSE3)6
Bradesco (BBDC4)6
Hypermarcas (HYPE3)6
Banco do Brasil (BBAS3)5
Gerdau (GGBR4)5
Ambev (ABEV3)4
Lojas Americanas (LAME4)4
Renner (LREN3)4
Telefônica Brasil - Vivo (VIVT4)4
Vale (VALE5)4
BR Malls (BRML3)3
EzTec (EZTC3)3
Grendene (GRND3)3
Hering (HGTX3)3
Iguatemi (IGTA3)3
Iochpe-Maxion (MYPK3)3
Pão de Açúcar (PCAR4)3
Rumo (RAIL3)3
Sabesp (SBSP3)3
Suzano (SSBR3)3
Weg (WEGE3)3

*Matéria atualizada em 04/05/2017, às 16h37, para corrigir a variação da carteira da Coinvalores em abril e em 2017, e em 08/05/2017, às 10h02, para corrigir a variação da carteira da Geração Futuro em abril e em 2017.


Leia também

Imagem da Editoria Exame Invest
Anderson Figo


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame