Exame Invest
Minhas Finanças

Mais de 1 milhão de contribuintes ainda não entregaram a declaração do IR

PUBLICADO EM: 30.6.20 | 19H44
ATUALIZAÇÃO: 30.6.20 | 19H46
Os contribuintes que precisarem fazer retificação da declaração poderão fazer os ajustes e enviar os documentos virtualmente, sem precisar ir à Receita

Receita Federal: estimativa é que mais de 19 milhões de pessoas tenham imposto a receber, o que, em valores, deve significar mais de 24 bilhões de reais (Marcello Casal JrAgência Brasil)

Imagem da Editoria Exame Invest
Natália Flach



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 1MIN

Faltando pouco mais de quatro horas para o fim do prazo, cerca de 1 milhão de declarações de imposto de renda ainda não foram entregues à Receita Federal. Ao longo do dia, têm sido enviados cerca de 264.000 documentos ao órgão por hora – se essa média for mantida, todas as declarações deverão ser endereçadas dentro do prazo.

"É bom lembrar que o programa continuará disponível normalmente e que os contribuintes poderão fazer suas declarações. A diferença é que terão de pagar multa", explica José Barroso Tostes Neto, secretário especial da Receita Federal, em conversa com jornalistas, nesta terça-feira à noite.

Segundo Tostes, os contribuintes que precisarem fazer retificação da declaração poderão fazer os ajustes e enviar os documentos virtualmente, sem precisar ir à Receita. Essa opção estará disponível pelo portal e-Cac. Para fazer essa remessa, o contribuinte precisará ter certificado digital ou gerar um código a partir do número da declaração do imposto de renda.

A estimativa é que mais de 19 milhões de pessoas tenham imposto a receber, o que, em valores, deve significar mais de 24 bilhões de reais. Outros 6 bilhões de contribuintes terão que pagar imposto em um montante equivalente a 19,6 bilhões de reais.

Fonte: Receita Federal

Imagem da Editoria Exame Invest
Natália Flach


Compartilhe nas redes sociais
Mosaico do rodapé com as cores da Exame