Exame Invest
Minhas Finanças

Perdeu o plano de saúde? Compare serviços populares, a partir de R$ 13/mês

PUBLICADO EM: 20.10.20 | 5H00
ATUALIZAÇÃO: 20.10.20 | 19H35
Porto Seguro é mais recente player a entrar no segmento e se junta a Dr Consulta e Cartão de Todos
Dr Consulta

Dr Consulta: em 2018 a rede também passou a oferecer o modelo por assinatura, do concorrente Cartão de Todos

Imagem da Editoria Exame Invest
Marília Almeida

Repórter de Invest marilia.almeida@exame.com



Compartilhe nas redes sociais
GUIA
Em alta

INVISTA 5MIN

A tendência foi agravada pela pandemia, mas vem de longe. Nos últimos anos diminui cada vez mais o número de usuários de planos de saúde. Muitas vezes essa saída é ou impulsionada pela perda do emprego, que também provoca a perda do plano de saúde corporativo; por reajustes acima da inflação, e pela falta de planos de saúde individuais acessíveis no mercado.

Nesse cenário, e especialmente na pandemia, quem já estava acostumado ao plano de saúde ou não pode pagar um, mas ao mesmo tempo não quer ficar totalmente dependente do SUS, tem à disposição ao menos três serviços de saúde populares: Porto Cuida, Dr Consulta e Cartão de Todos.

Por assinaturas que partem de R$ 13 por mês, custam R$ 19,90 ou R$ 23,10. é possível ter acesso a consultas, exames e medicamentos com descontos. Muitas vezes os preços são tabelados. A partir da assinatura, é possível saber quanto irá pagar em cada procedimento. As redes referenciadas podem ter parceiros de renome, como laboratório Lavoisier e redes de farmácia como Drogasil. Mas a maior parte da rede costuma ser própria ou composta por pequenas clínicas e redes regionais. Esses serviços não são planos de saúde, já que não atendem emergências ou realizam cirurgias.

O player que entrou mais recentemente no segmento, em setembro, foi a Porto Seguro. Apesar de a rede Dr Consulta ter sido criada em 2011, passou a oferecer o modelo de assinatura apenas no ano passado, quando se associou à Yalo.

Já o Cartão de Todos foi criado em 1999, mas especialmente nos últimos dois anos vem crescendo de maneira acelerada, no formato de franquias. Apenas neste ano o Cartão de Todos passou a atender mais um milhão de famílias, cerca de 200 mil novos usuários por mês. De porta a porta, seu modelo passou para a prospecção digital, via redes sociais e serviços de mensagens.

Veja abaixo mais detalhes sobre os três serviços de saúde populares existentes no mercado:

Cartão de Todos

Data de lançamento: 1999
Rede referenciada (quantidade de clínicas, laboratórios, etc): 266 unidades franqueadas em todo o país; 260 clínicas parceiras AmorSaúde e centenas de laboratórios regionais.
Destaques de parceiros da rede referenciadas (nomes): Em Saúde: AmorSaúde (a maior rede de clínicas populares do Brasil), Droga Raia, Drogasil.
Preço médio e mínimo/máximo de consultas: os preços são tabelados em clínicas parceiras: R$ 20 para consultas com clínicos gerais e R$ 28 para demais especialidades.
Preço médio e mínimo/máximo de exames: R$ 8 para exames de baixa complexidade, R$ 35 para exames de média complexidade e R$ 100 a R$ 150 para exames de alta complexidade, como tomografias, ultrassonografias, etc.
Número de dependentes incluídos no serviço: ilimitado para esposa/marido e filhos solteiros de até 21 anos. O filiado paga uma única mensalidade para toda a família.
Outros benefícios: descontos em educação (plataforma de cursos profissionalizantes, Estácio e escolas CNA) e lazer (Costa do Sauípe Resorts, Rio Quente Resorts, Hotéis Nacional Inn e Hot Beach Resort).
Preço de mensalidade: R$ 23,10

Porto Cuida

Data de lançamento: Setembro de 2020
Rede referenciada (quantidade de clínicas, laboratórios, etc.): 70 em São Paulo, que disponibilizam médicos de mais de 50 especialidades
Destaques de parceiros da rede referenciada: Lavoisier, DaVita Serviços Médicos, Teladoc e Psicologia Viva
Preço médio e mínimo/máximo de consultas: R$ 50 a R$100 em mais de 50 especialidades; psicoterapia por R$ 49
Preço médio e mínimo/máximo de exames: São cerca de mil tipos. Não divulga
Descontos em medicamentos: até 70% de desconto nas farmácias parceiras, que inclui redes de drogarias Drogasil e Droga Raia
Número de dependentes incluídos no serviço: dois, sem necessidade de grau de parentesco
Outros tipos de benefícios: quatro consultas via telemedicina por ano por pessoa
Preço de mensalidade: R$ 19,90

Yalo (Dr Consulta)

Data de lançamento: Maio de 2018
Rede referenciada (quantidade de clínicas, laboratórios, etc.): 45 centros na região metropolitana de São Paulo
Destaques de parceiros da rede referenciada: Dr. Consulta, redes Drogasil e Droga Raia e Smart Fit.
Preço médio e mínimo/máximo de consultas: Consultas pelo valor de R$ 40.
Preço médio e mínimo/máximo de exames: Exames a partir de R$ 10. Ultrassom: cerca de R$ 120 a R$ 150. Endoscopia: de R$ 200 a R$ 300.
Descontos em medicamentos: até 60% (genéricos)
Número de dependentes incluídos no serviço: uma assinatura por CPF.
Tipos de assinaturas:
Telemedicinaa partir de R$ 13,30 por mês - disponível apenas para teleatendimentos do Dr. Consulta, oferece consultas ilimitadas de qualquer especialidade por R$ 40, e retorno gratuito em até 30 dias. São 27 especialidades, entre elas consulta especial para suspeita de coronavírus, clínica geral, psicologia, psiquiatria, cardiologia, ginecologia, etc.
Vidaa partir de R$ 31 por mês - Além das consultas online por apenas R$ 40, oferece até 60% de desconto para remédios genéricos nas farmácias das redes Drogasil e Droga Raia
Fidelidade – a partir de R$ 31 por mês - O cliente pode realizar consultas periódicas, presenciais ou online, por R$ 40, com retorno incluso em até 30 dias, além de ganhar desconto de 20% nos exames.
Saúde – a partir de R$ 53,20 por mês - Inclui consultas, descontos nas drogarias e um plano especial com a rede de academias Smart Fit.

Na visão de Renato Velloso, CEO do Dr Consulta, no "novo normal" da pandemia muitos brasileiros buscaram monitorar e controlar comorbidades da doença e buscaram tratamentos psicológicos. "A pandemia forçou os brasileiros a olharem mais a saúde com olhar mais preventivo".

Como funcionam

A Cartão de Todos tem como foco as classes C e D. Tales Vilar, vice-presidente global do Cartão de Todos, explica que, no Cartão de Todos, cada franquia é responsável por uma região ou cidade. Os preços baixos são obtidos por conta do volume: 900 mil consultas são realizadas na rede por mês. A rede busca ter uma boa gestão de agenda: o tempo médio para realizar uma consulta é de três dias úteis. "Desde abril disponibilizamos telemedicina a todos os usuários."

A Dr. Consulta tem um modelo um pouco diferente: o foco é a classe B e C. Além do modelo de assinatura via parceria com a Yalo, em lojas da rede, que são encontradas até mesmo em shoppings, o usuário paga por procedimento. Após realizar a consulta ou exame, não há qualquer obrigatoriedade para que continue usando o serviço. "Cerca de 20% dos nossos usuários têm planos de saúde que não são líderes de mercado, são restritos. Eles gostam da experiência que oferecemos.

Quer aprender a investir melhor? Inscreva-se no curso Manual do Investidor da EXAME Academy.

     

    Já o modelo da Porto Cuida é semelhante ao do Cartão de Todos: basta filiar-se ao serviço e pagar uma mensalidade mensal. A ideia, no futuro, é expandir o serviço para outras cidades, prioritariamente onde a empresa já atua no segmento de saúde: a região Sudeste. Serviços de assinatura com maior valor agregado também estão no radar. “A ideia é oferecer um serviço cada vez mais completo, que possa incluir procedimentos hospitalares, mas que continue mais acessível do que um plano de saúde", diz Marcelo Picanço, vice-presidente de Seguros da Porto Seguro.

    A contratação dos serviços pode ser feita de forma digital, pelo app ou site, e também por telefone ou em clínicas. Não há período de carência para uso dos serviços.

     

    Imagem da Editoria Exame Invest
    Marília Almeida

    Repórter de Invest marilia.almeida@exame.com


    Compartilhe nas redes sociais
    Mosaico do rodapé com as cores da Exame